De acordo com a Abrinq - Associação Brasileira dos Fabricantes de Brinquedos, vendas do Dia da Criança deste ano cresceram 9% em relação a igual período de 2013.

O mercado nacional do brinquedo deve movimentar este ano perto de R$ 9,5 bilhões, contra R$ 8,5 bilhões do ano passado, prevê Synésio Batista da Costa, presidente da Abrinq. Os cálculos do executivo levam em conta o crescimento de 9% frente ao ano passado das vendas do Dia da Criança de 2014. “Devemos crescem em torno de 11% este ano.”

O movimento da Semana da Criança deve chegar a R$ 3,5 bilhões, calcula Synésio Batista da Costa, enquanto as do período natalino podem somar mais R$ 3 bilhões, perfazendo R$ 6,5 bilhões – pouco mais de 68% do movimento de todo o ano.

O presidente da entidade justifica o crescimento do setor motivado pela implantação do governo do brinquedo no processo educacional de 23 milhões de crianças; os mais de 1 mil lançamentos de brinquedos este ano; e o dólar mantido num patamar mais elevado. “Devemos tomar mais 5% de mercado dos chineses”, prevê.

O executivo observa que há um aumento per capita nos últimos cinco anos. “Eram 6 brinquedos por ano por criança e agora chegamos a 7,2.” As fábricas, em número de 380, estão preparadas para abastecer os lojistas, informa o presidente da Abrinq. Ele acredita que o mercado pode fechar o ano com 55% de produção nacional contra 45% de importados.
Share To:
Magpress

Falando de Varejo

O Falando de Varejo é o maior blog sobre o varejo brasileiro, no ar desde julho de 2008. Navegue por nosso site e conheça nossas dicas e artigos especiais. Quase 6 milhões de pessoas já passaram por aqui. Clique nos links abaixo para nos seguir também nas principais redes sociais.

Post A Comment: