Considerando a trajetória de crescimento do setor em 2014, CNC projeta queda no ritmo

O volume de vendas do varejo deve encerrar 2015 com alta de 1,7%, segundo projeta a CNC (Confederação Nacional do Comércio), com base na trajetória que o setor vem desenhando.
Segundo dados divulgados ontem (11), pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o setor cresceu 2,2% em 2014 - o pior resultado desde 2003, quando o setor avançou 4,3%.

"Apesar do ritmo menos intenso da inflação dos bens comercializáveis, a maior pressão oriunda dos reajustes nos preços administrados e a tendência de encarecimento do crédito ao consumidor ao longo de 2015 impedirão a recuperação das vendas ao longo do ano”, afirmou, em nota, Fabio Bentes, economista da CNC.

Os preços no varejo cresceram menos em 2014 (+6,1%) do que no ano anterior (+7,3%). Alguns segmentos, como o de informática e comunicação, registraram queda nas vendas (-1,7%), apesar da deflação (-2,3%) registrada ao longo do ano passado.

Fonte: Novarejo
Share To:
Magpress

Falando de Varejo

O Falando de Varejo é o maior blog sobre o varejo brasileiro, no ar desde julho de 2008. Navegue por nosso site e conheça nossas dicas e artigos especiais. Quase 6 milhões de pessoas já passaram por aqui. Clique nos links abaixo para nos seguir também nas principais redes sociais.

Post A Comment: