Segundo os dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios – PNAD Contínua – IBGE, o grupamento de atividade Construção empregava, no segundo trimestre de 2015, 7,137 milhões de trabalhadores, ou 7,7% das pessoas ocupadas no período no Brasil.

Este número significa uma queda de 8,6% em relação ao segundo trimestre de 2014, ou, em números absolutos, uma redução de 673 mil pessoas ocupadas, fundamentalmente em atividades ligadas a obras de infraestrutura e de construtoras.

Corte em maio no orçamento do governo federal de 2015 do PAC – Programa de Aceleração do Crescimento, de R$25,7 bilhões, incluindo o Programa Minha Casa, Minha Vida, e novo corte de R$4,6 bilhões em julho, e a redução de 20% do número de lançamentos imobiliários pelas construtoras no comparativo/ano agosto 2015 com agosto de 2014, segundo o Secovi-SP, impactaram diretamente no número de pessoas ocupadas e o faturamento das indústrias do setor.

Estudos recentes da consultoria Inter.B projetam em R$106,4 bilhões os gastos com infraestrutura para 2015, o que representaria uma queda nominal de 19% e real de 28%, em relação a 2014. O Secovi-SP projetou em agosto uma queda nas vendas de imóveis residenciais em torno de 15%, comparando o ano de 2015 com 2014.

O varejo, um dos pilares do tripé que sustenta o desenvolvimento do segmento, apresentou uma queda de 5,6% no volume de vendas, comparando o acumulado/ano agosto de 2015 com agosto de 2014, segundo a Pesquisa Mensal do Comércio, também do IBGE. Livres projeções estimam uma queda em torno de 6% para 2015.

Considerando o longo período para recuperação do nível das obras de infraestrutura, novos cortes foram anunciados pelo governo para o orçamento de 2016, e também das construtoras, devido ao alto nível do estoque de unidades, tudo leva a crer que será o varejo o sustentáculo das atividades do segmento.

O principal varejista especializado em materiais de construção do Brasil, Leroy Merlin, encerrará o ano com 5 novos home centers, fechando 2015 com 37 pontos de vendas e um crescimento estimado de 7%, com anunciados planos de abertura de mais 3 a 5 lojas para 2016.
Estudos anteriores da Plataforma de Inteligência de Mercado mapearam o comportamento desse consumidor que, se já era importante anteriormente, ganha, agora, uma dimensão ainda maior.

Entre diversas questões atitudinais, o Estudo Comportamento dos Consumidores com toda a Cadeia, quando Reformam ou Constroem, entregue em dezembro de 2014, testou os parâmetros para uma futura modelagem dimensionada de mercado, em campo nesse momento, pesquisando indicativos de gastos com reformas, por canais, macrocategorias e cômodos.

O Estudo Dimensionamento dos Gastos dos Consumidores quando Reformam, Constroem ou Realizam Reparos e Manutenção Doméstica, entregará, em dezembro próximo, o valor gasto por canais, macrocategorias, cômodos e tipo de serviço (executores e especificadores) durante o ano de 2015, tendo como base dados primários coletados na região metropolitana de São Paulo, tratados estatisticamente e projetados para os principais estados e Brasil.

Considerando a importância adquirida pelo varejo, conhecer o comportamento dos consumidores delimitando a dimensão dos gastos e modelando-a é fundamental para elaboração de estratégias comerciais, incremento das vendas e amadurecimento do segmento na atual conjuntura econômica.

Sobre a Plataforma de Inteligência de Mercado Leroy Merlin – Grupo Revenda

A Leroy Merlin, líder no varejo de materiais de construção, e o Grupo Revenda, grupo editorial com mais de 27 anos especializado em publicações dirigidas ao mesmo segmento, inovam ao se associarem para desenvolverem uma série de estudos contínuos com o objetivo de compreender o comportamento dos consumidores quando reformando, construindo ou realizando manutenções/reparos domésticos, além de modelarem e dimensionarem esses gastos, contribuindo para a profissionalização do mercado.

O Grupo Revenda é responsável pela gestão do projeto; a Leroy Merlin é cogestora e detém o naming rights da Plataforma; a Eucatex e a Pincéis Atlas são patrocinadoras da iniciativa. Os fornecedores de pesquisas são Ferraz Pesquisa de Mercado, Instituto Qualibest e Best Forecast Marketing & Modelling e o parceiro de marketing, Nexial Consultoria de Marketing.
Share To:
Magpress

Falando de Varejo

O Falando de Varejo é o maior blog sobre o varejo brasileiro, no ar desde julho de 2008. Navegue por nosso site e conheça nossas dicas e artigos especiais. Quase 6 milhões de pessoas já passaram por aqui. Clique nos links abaixo para nos seguir também nas principais redes sociais.

Post A Comment: