O 15º relatório econômico do Sindicato do Comércio Varejista de Material Elétrico, Eletrônicos e Eletrodomésticos do Rio de Janeiro (Simerj) analisou estudo do IBGE, que mostrou crescimento na Pesquisa Mensal do Comércio (PMC) de novembro.


Segundo especialistas do Simerj, o mercado esperava desde queda de 2% à alta de 1,7%. O resultado apresentado pela instituição ficou positivo em 1,5%. No varejo restrito, que não inclui atividades de material de construção e de veículos, a queda foi de 7,8%. No ampliado, que inclui estes setores, a diminuição foi de 13,2%. Em relação ao Rio de Janeiro, também houve alta, porém modesta. O número do penúltimo mês de 2015 referente à região, ficou abaixo de 1% (0,74%).

“Com a perspectiva de recebimento do décimo terceiro salário ou já com ele em mãos, o consumidor assumiu posição esperada por esta entidade e foi às compras. Depois de quedas próximas a 2% no meio do ano, grupo móveis e eletrodomésticos tem mais um resultado positivo em novembro intensificando a aceleração de final de ano já esperada. As promoções, como a Black Friday, também ajudaram a incrementar as vendas. Continuamos, no entanto, com nossa posição. Infelizmente não podemos considerar uma tendência. Como temos falado, o momento foi para aproveitar o suspiro de 2015. Para este ano, a palavra continua sendo cautela”, explica Antônio Florêncio, presidente do Simerj
Share To:
Magpress

Falando de Varejo

O Falando de Varejo é o maior blog sobre o varejo brasileiro, no ar desde julho de 2008. Navegue por nosso site e conheça nossas dicas e artigos especiais. Quase 6 milhões de pessoas já passaram por aqui. Clique nos links abaixo para nos seguir também nas principais redes sociais.

Post A Comment: