O envelhecimento da população e o perfil de consumo desta faixa etária podem estimular novos empreendedores. Confira as dicas do Sistema de Inteligência Setorial (SIS) do Sebrae


O aumento da expectativa de vida do brasileiro - que em 2014 era de 75,2 anos - fará com que, em pouco mais de três décadas, uma a cada três pessoas no país estará na terceira idade (acima de 65 anos). Este cenário vai exigir de alguns segmentos - como o varejo - atenção especial para entender (e atender) as necessidades de um consumidor cada vez mais exigente e com bom poder de compra. O Relatório do Sistema de Inteligência Setorial (SIS) do Sebrae, "Mercado varejista para a terceira idade", apresenta dicas e cases de sucesso de micro e pequenas empresas que hoje são referência na oferta de produtos e serviços a estes consumidores.

De acordo com o estudo global “A Melhor Idade”, desenvolvido pela empresa de pesquisa Nielsen, as principais preocupações da terceira idade no Brasil estão ligadas à saúde física (57%) e mental (51%), bem como a uma velhice ativa e sociável (37%). Quase metade dos entrevistados (45%) revelam que sentem dificuldades para encontrar produtos adequados às suas necessidades, e essa dificuldade é mais sentida pelos idosos na faixa de 70 a 75 anos.

Entre as necessidades e principais buscas dos idosos no mercado estão:


  • Atenção personalizada: os idosos formam um público com necessidade de atenção um pouco maior em relação aos adultos em geral, pois, em uma loja, por exemplo, terão mais dificuldade de alcançar algum produto que esteja em balcão muito alto ou empilhado, e uma ajuda de um atendente será essencial para o cliente realizar sua decisão de compra.
  • Qualidade e fidelização de marca: a terceira idade representa pessoas que já não buscam poupanças e investimentos de médio e longo prazo, e valorizam o consumo e a qualidade de vida. Além disso, não querem pesquisar e mudar os hábitos de consumo regularmente - o que procuram são marcas para se tornar fiéis na compra
  • Valorização da comodidade: estabelecimentos próximos a residência, que realizam entregas e disponibilizam representantes para apresentar seus produtos em casa são diferenciais valorizados pelos idosos, que estão dispostos a pagar mais por serviços que promovam sua comodidade.


Um exemplo de empresa que é referência no atendimento à terceira idade é a Mais 60, localizada em Belo Horizonte (MG). Com um investimento de aproximadamente R$ 150 mil, as enfermeiras Ana Mello e Mariana Mello abriram em 2014 a loja especializada em produtos para a saúde e o conforto do idoso, oferecendo itens para adaptação da casa e produtos cosméticos de beleza. Com um ano e meio de funcionamento, a loja já crescia 30%, com tíquete médio de R$ 300 por compra. Para complementar as vendas, as empresárias abriram uma loja virtual, e planejam oferecer cuidadores em domicílio, além de uma grife de roupas para seu público.

Para os empreendedores do varejo que se interessaram em se especializar no atendimento à terceira idade, o SIS/Sebrae recomenda as seguintes ações:


  • Conheça o conteúdo exclusivo online Como montar uma empresa de prestação de serviços para idosos, que abordando pontos importantes como mercado, localização e investimento.
  • Dentro do seu negócio, observe quais produtos podem ser oferecidos a esse público. Adapte propaganda, embalagem e detalhes do produto para a venda. A empresa pode focar nesse perfil ou obter uma estratégia de diversificação, com produtos para diversos consumidores diferentes
  • Conheça seu público, e defina qual faixa etária da terceira idade a empresa deseja focar. Isso porque há diferença entre pessoas de 60 a 65 anos, e de 80 a 85. Procure diferenciar seu produto com base nisso.
  • Bom atendimento para esse mercado é primordial. Treine sua equipe e procure manter as pessoas motivadas para atender bem seus clientes.
Share To:
Magpress

Falando de Varejo

O Falando de Varejo é o maior blog sobre o varejo brasileiro, no ar desde julho de 2008. Navegue por nosso site e conheça nossas dicas e artigos especiais. Quase 6 milhões de pessoas já passaram por aqui. Clique nos links abaixo para nos seguir também nas principais redes sociais.

Post A Comment: