Shoppings do Grupo Partage comemoram aumento de vendas de até 13%


O comércio varejista registrou aumento de 0,1% em maio frente a abril. O índice ainda é tímido, mas já aumenta a expectativa do setor, já que em São Paulo, de acordo com a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), a confiança do consumidor local subiu 7,9% em junho, na comparação com maio, e atingiu 98 pontos, valor mais alto do indicador desde abril de 2015.

O mercado de shopping centers também está com boas perspectivas. É o caso dos shoppings do Grupo Partage. No Partage Shopping Mossoró, por exemplo, foi registrado um aumento de 8% nas vendas de maio em relação a abril e 5% de incremento no fluxo de pessoas, durante o mesmo período. O empreendimento, administrado pelo Grupo Partage, tem realizado uma série de parcerias para aumentar a movimentação, como feiras e atrações para o público infantil.

No nordeste, as datas típicas, como o ‘São João’, também contribuíram positivamente. Há 17 anos, o Partage Shopping Campina Grande segue a tradição e festeja a data com atrações e decoração especial no mall. O evento faz tanto sucesso que o empreendimento registrou incremento de fluxo de 5% em junho, comparado ao mesmo período do ano anterior, e já iniciou julho com crescimento deste índice.

Os festejos de São João também foram comemorados no Partage Norte Shopping Natal (RN) e no Partage Shopping Parauapebas (PA). Este último é considerado o maior centro de compras da macrorregião de Carajás e um dos maiores centros produtores de minério do mundo. O empreendimento registrou aumento de 13% nas vendas de maio em relação a abril deste ano. Em maio, o shopping promoveu diversos eventos em homenagem ao Dia das Mães.

O mercado de moda íntima também comemora as vendas. A 26ª edição da Fevest – Feira de Moda Íntima, Praia, Fitness e Matéria-Prima, que está sendo realizada em Nova Friburgo, região serrana do Estado do Rio de Janeiro, desde a última quarta, reunindo cerca de 100 expositores entre as maiores indústrias, superou as expectativas de bons negócios para o setor. “Nos dois primeiros dias de evento recebemos mais de 7 mil visitantes de 25 estados brasileiros, além de países da Paraguai, China, Bolívia, Itália, Austrália e Estados Unidos”, comemora Marcelo Porto, presidente do Sindicato das Indústrias de Vestuário de Nova Friburgo e Região – Sindvest, que representa 1.904 indústrias do polo de moda íntima.

Outro ponto a ressaltar é que a Fevest inovou com a abertura para o público nos dois últimos dias (09 e 10 de julho), quando moradores da região e visitantes poderão conferir e comprar direto de seus criadores. Na edição do ano passado, a feira gerou negócios no valor de R$ 48 milhões para as empresas da região e este ano, a expectativa é de que seja de R$ 54 milhões, estima o presidente do Sindvest.

De acordo com a Federação de Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan), ressalta que a região Centro-Norte Fluminense, onde está situado o Polo de Nova Friburgo exportou 32% a mais de moda íntima em 2015 em comparação a 2014, subindo de US$ 762 mil para US$ 1 milhão. A Fevest é uma realização do Sindvest (Sindicato das Indústrias do Vestuário de Nova Friburgo e Região), promovida pelo Sistema Firjan e Sebrae, com o apoio do Conselho da Moda, Prefeitura de Nova Friburgo, Rede InterTV, TexBrasil, Abit, Apex - Brasil; e organização da Teia de Eventos.
Share To:
Magpress

Falando de Varejo

O Falando de Varejo é o maior blog sobre o varejo brasileiro, no ar desde julho de 2008. Navegue por nosso site e conheça nossas dicas e artigos especiais. Quase 6 milhões de pessoas já passaram por aqui. Clique nos links abaixo para nos seguir também nas principais redes sociais.

Post A Comment: