ULTIMOS POSTS

sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Big Data pode prever desejos?

Inteligência artificial no varejo já está trazendo inovação na experiência do cliente. Grandes varejistas já enxergam 4% de aumento ticket médio e 5% mais frequência nas lojas

Quem comprou hoje um pacote de 100 fraldas descartáveis dificilmente irá se interessar pelo mesmo produto ao longo da mesma semana. É improvável, certo? Pois bem, acontece que muitas marcas (praticamente todas) não sabem disso.Como você se sentiria se suas marcas favoritas de produtos e serviços “adivinhassem” (previssem) seus próximos desejos de compra e enviasse apenas para você, diretamente no seu celular, as ofertas mais atrativas nas proximidades em que você mora ou frequenta?

Pelo mesmo motivo a maioria dos grandes varejistas também não sabem que aquele consumidor fiel que gosta muito de uma marca de creme de barbear, e só compra essa. Qual o valor dessa informação para os varejistas?

Já imaginou se alguma rede farmacêutica na região identifica essa preferência, e quando esse produto estiver em promoção fizer o envio de uma mensagem automatizada com essa oportunidade imperdível? O índice de consumo tende a subir pelo menos 10%. Sem contar o nível de fidelidade e engajamento que vai às nuvens.

Nem todos varejistas sabem que a inteligência artificial aliada a big data e machine learning já tornaram isso possível e já é feito por empresas como Bradesco e Cencosud, entre outras.

É possível ainda saber quais horários os clientes mais frequentam supermercados e drogarias, para otimizar o investimento em campanhas de marketing. O tempo é escasso e valioso para todos, e o varejo não deseja perder nenhuma missão de compra. A tecnologia desenvolvida pela Propzmedia chega para resolver esse gargalo e transformar a forma como as pessoas abastecem suas geladeiras e dispensas.

O cruzamento de dados estruturados, como histórico de compras dos clientes com esta marca, e não-estruturados — como os dados gerados pelas pessoas nas redes sociais, aliados às tradicionais pesquisas de mercado, é possível à empresa compreender quais têm sido os principais padrões de busca por sabores de sorvete, sucos ou tipos de queijos (entre muitos outros), e quais são as intenções de próximas compras do consumidor.

Com esses insights em mãos, a marca e o varejista conseguem prever, com bastante precisão, quais serão os produtos mais desejados na ceia de natal, por exemplo e, assim, planejar sua disponibilidade de estoque, otimizando toda a cadeia logística da empresa.

Ninguém mais tem interesse em passar horas fazendo pesquisas entre supermercados ou farmácias para comprar produtos diferentes em lojas distintas, por questões de preço. Isso sem mencionar a crescente concorrência nos grandes centros entre as redes de supermercados e drogarias, por exemplo.

O varejo físico de alta frequência (mercados e farmácias, postos de gasolina etc.), por exemplo, já consegue mapear toda jornada de consumo dos clientes que passam pelos cartões (da loja ou de crédito) e, com esse grande volume de dados é possível extrair e prever quais serão de fato as próximas intenções de compras.

Big Data ajuda, e muito, as empresas a aumentarem o grau de personalização de suas ofertas e torná-las únicas aos olhos de cada pessoa.

Quem é a Propzmedia?

É uma empresa de tecnologia pioneira na aplicação de inteligência artificial para otimizar a experiência do cliente e alavancar vendas no varejo físico. A combinação de CRM, Big Data e I.A., aliada à expertise no segmento, automatiza de forma personalizada o envio de campanhas de marketing digital em múltiplos canais.

A tecnologia desenvolvida pelos fundadores Israel Nacaxe e Manuel Guimarães é capaz de entender a jornada de consumo, predizer ofertas mais atraentes e reagir em tempo real, ativando os consumidores certos momentos antes de cada missão de compra.

É esse o propósito da Propzmedia: aplicar a tecnologia desenvolvida para transformar a experiência de consumo do cliente de forma personalizada e de forma automatizada. Com quase cinco anos de mercado a empresa já atende clientes como Bradesco, Via Varejo, Cencosud e Ipiranga, entre outras.

Compartilhe nas redes sociais:
 
Copyright © 2008-2017 Falando de Varejo.