ÚLTIMAS POSTAGENS

21 de fevereiro de 2017

Patroni investe em seu modelo compacto de negócios e projeta um incremento de 25% no faturamento

Marca pretende chegar a 30 lojas no formato Expresso até o final do ano

Com planos de expansão ousados para este ano, uma das maiores redes de pizzas, carnes e massas do país planeja dar andamento a sua forte atuação no mercado de alimentação por meio de seu modelo de negócios enxuto, o Expresso, bem diferente das opções tradicionais já oferecidas. O negócio foi desenvolvido para ser implantado em locais que possuem alta movimentação de pessoas como estações de metrô e estádios de futebol, oferecendo as famosas pizzas da marca servidas em pedaços, além de lanches, salgados, sorvetes, café, sucos e refrigerantes. A marca começou o ano com três inaugurações neste formato, duas na capital paulista (Freguesia do Ó e Itaim Bibi) e uma no Estado do Rio de Janeiro (Jacarepaguá).


Além das três unidades, a rede possui mais quatro operações em processo de implantação do modelo Expresso nos estados de São Paulo (na capital e cidades Américo Brasiliense e Atibaia) e também no Pará (Belém). "Nosso modelo enxuto ganha destaque pelo fato do mercado estar em recesso, onde o investidor tem menos capital. É uma opção acessível para quem deseja ter seu próprio negócio em um setor que se manteve estável. Além disso, neste formato compacto oferecemos produtos de fácil consumo e produção, favorecendo a compra por impulso”, completa Admilson Souza, diretor de expansão da marca.

Com um investimento de R$ 150 mil, a rede prevê chegar a 30 novos pontos até o final do ano com o modelo compacto. “Estamos expandindo para todo território nacional, em cidades com 50 mil habitantes. Estas unidades irão impactar diretamente no faturamento anual da rede, chegando a um incremento de 25%”, diz.

Para quem deseja ter um negócio próprio no formato Expresso pode escolher entre as três opções oferecidas: loja de rua compacta (100m²), quiosque (20 a 30m²) ou até mesmo montar sua operação em containers. O faturamento médio mensal é de R$ 70 mil a R$ 100 mil reais. Atualmente, a marca conta com 210 unidades em operação e implantação e um faturamento de R$ 360 milhões.

Ficha de franquia:

Nome: Patroni

Segmento de Atuação: Alimentação – pizzas, carnes e massas

Ano de Fundação: 1984

Início no Franchising: 2003

Investimento inicial: Expresso R$ 150 mil a R$ 200 mil

Capital de giro: Expresso de R$ 5 mil a R$ 10 mil (já incluso no valor de investimento total)

Taxa de franquia: Expresso R$ 45 mil

Taxa de royalties: Expresso 5%

Taxa de publicidade: 1%

Faturamento médio mensal da unidade: Expresso R$ 70 mil a 100 mil

Lucro médio mensal: Expresso de 15% a 18%

Prazo de retorno: Expresso 18 a 24 meses

Número de funcionários: Expresso 08 funcionários

Área da unidade: Expresso Loja de rua 100m² Quiosque 20 a 30m², e Containers

Prazo de contrato: 5 anos

Telefone: (11) 5182-3000

E-mail: expansao@patronipizza.com.br

Sobre a Patroni

A Patroni, rede de franquias especializada no segmento de alimentação, foi fundada há mais de três décadas pelo paulistano Rubens Augusto Junior, e atualmente é a maior rede de pizzarias do Brasil com 210 lojas. A marca é pioneira nas tradicionais pizzas artesanais de forno a lenha dentro de shopping centers, conta também com carnes e massas, além da linha exclusiva de parmegianas. Com perfil inovador, a Patroni aposta em parcerias co-branding para oferecer ao consumidor uma experiência de consumo exclusiva. A marca oferece três modelos de negócios para quem deseja investir na Patroni: Classic, Premium e Expresso, que variam de RS 150 mil a 450 mil. www.patronipizza.com.br

Share this:

 
VOLTAR PARA O TOPO
Copyright © 2017 Falando de Varejo. Todos os direitos reservados