ULTIMOS POSTS

quarta-feira, 25 de outubro de 2017

Sugestão de Pauta: 7 lições para ter sucesso nas vendas diretas

Fazer demonstrações e estudar cada produto que será vendido são itens primordiais

A venda direta é um dos meios de negociação mais eficaz no mercado. De acordo com a Associação Brasileira de Empresas de Vendas Diretas (ABVED), em 2016 o setor movimentou cerca de R$ 40 bilhões e consolidou-se como uma fonte de renda segura para mais de 4,3 milhões de empreendedores autônomos.


Leonardo Castelo, fundador da Ecoville, primeira franqueadora de lojas de produtos de limpeza, lista sete dicas para quem pensa em trilhar este caminho e ter rentabilidade nos negócios. A Ecoville iniciou as operações em 2007 por meio das vendas diretas. Além das lojas físicas, a marca mantém o modelo até hoje. “É um formato que traz comodidade para o consumidor que já espera a visita dos vendedores para repor os produtos da dispensa”, comenta o fundador.

Estude o produto
Não se preparar para encontrar com os clientes pode ser um erro fatal. Por isso, antes de ir para a rua, estude minunciosamente as características dos produtos e serviços que serão oferecidos, até porque quanto mais argumentos você tiver durante a negociação, maiores serão as chances de vender.

Faça demonstrações
O consumidor gosta de testar os produtos, para ter certeza de que não se arrependerá da aquisição. Portanto, sempre tenha amostras grátis e embalagens extras para fazer demonstrações. Mesmo que o cliente não compre de imediato o que você está vendendo, ele certamente lembrará da experiência no futuro.

Use as tecnologias
Contar com a tecnologia na hora de vender é primordial. Um dos caminhos é criar grupos de conversação em aplicativos. Além de ser um canal para apresentar sua cartela de produtos de forma rápida, também é possível aproveitar a ferramenta para agendar encontros com os clientes e até em grupos para mostrar seus produtos. Por outro lado, não esqueça que os aplicativos devem ser usados com moderação para não irritar o cliente.

Conheça seu público
A grande vantagem de trabalhar com vendas diretas é o relacionamento diferenciado com cada cliente. Ao longo do tempo, é possível perceber quais são suas necessidades, manias e até mesmo como convencê-lo a comprar. Por isso, agrade sua carteira de clientes. Seja cordial, traga novidades que vão transformar a sua rotina.

Faça rotas
Antes de sair por aí tentando vender seus produtos em diversos locais, planeje uma rota diária para percorrer. Não se esqueça de criar uma periodicidade de visitas para que o cliente saiba que poderá contar com você na reposição de um produto, por exemplo.

Não force a barra
Se o consumidor der sinais de que não está interessado pelo produto oferecido, agradeça pela atenção e reforce que sempre estará à disposição. Se perceber que ele está sendo atencioso, pergunte quais são os bens de consumo de sua preferência, para que na próxima vez possa trazer um mostruário diversificado.

Cuide da aparência
A aparência do vendedor e do que ele está levando consigo é a vitrine de seu negócio. Chegar à casa do cliente para vender produtos de limpeza com um automóvel sujo, por exemplo, pode ser um fator prejudicial. Evite esse deslize, a aparência dos produtos, das ferramentas e do próprio vendedor podem ajudar e também atrapalhar as vendas.

por Leonardo Castelo, fundador da Ecoville.

Compartilhe nas redes sociais:
 
Copyright © 2008-2017 Falando de Varejo.