ULTIMOS POSTS

segunda-feira, 6 de novembro de 2017

Plataforma para e-commerce, Standout recebe coinvestimento de GVAngels e Bossa Nova

Ferramenta que já fornece solução para mais de 45 grandes lojas virtuais no Brasil recebeu aporte de R$ 600 mil dos investidores

Organizar os produtos nos e-commerces como uma vitrine virtual, mas possibilitando inserir informações mais precisas para a melhor compra pelo consumidor. É o que faz a Standout, que chamou atenção do GVAngels, grupo de investidores-anjo formado por ex-alunos da Fundação Getúlio Vargas, e da Bossa Nova Investimentos, empresa de Micro Venture Capital liderada pelos empresários Pierre Schurmann e João Kepler e que realiza aportes no estágio pré-seed. As duas empresas realizaram um aporte de R$ 600 mil, caracterizando o primeiro investimento em conjunto desta parceria.

O anúncio da escolha da startup foi resultado do 4º fórum realizado pelo GVAngels. Os encontros visam gerar oportunidades de investimentos a seus membros em empresas com potencial de crescimento. “Além da ideia empreendedora, a Standout chamou a nossa atenção por apresentar uma plataforma robusta, com boa tração de vendas e que está efetivamente solucionando o problema de muitas companhias”, afirma Jad Antoun, investidor líder no processo de duediligence pelo GVAngels.

Integrada a mais de 45 lojas virtuais, a Standout faz a integração com a empresa para que crie as vitrines à sua maneira e possa administrá-las. A ferramenta possibilita publicar o produto de forma mais fácil, seja conteúdo de foto, vídeo e texto, sem precisar envolver a equipe de TI.

Entre alguns dos grandes lojistas clientes da Standout estão Walmart, Magazine Luiza, Unilever, Granado, Johnson&Johnson e Panini.

“A Standout se encaixa na tese da Bossa Nova, que é focar seu negócio em B2B. A Bossa Nova acompanhou a rodada liderada pelo GVAngels, pela qualidade do grupo de anjos e pela análise feita nessa startup”, explica João Kepler, destacando ainda a intermediação de Mike Ajnsztajn, idealizador do GVAngels e também a vitória da Standout no prêmio Expo Digitalks de melhor startup de marketing digital 2017.

Pierre Schurmann e João Kepler, sócios da Bossanova investimentos

Segundo o empresário, a Bossa Nova tem como meta aportar em 1.000 startups até 2020 – atualmente são 170 –, e a parceria com o GVAngels visa colaborar com a curadoria e co-investimentos para isso, já que projetam uma série de aportes em conjuntos para os próximos fóruns.

Novas ideias para avaliação

Formado por ex-alunos da FGV, o grupo de investidores se reúne bimestralmente para discutir e analisar propostas de soluções recém-lançadas no mercado. Antoun convida as startups e ex-alunos da escola para o próximo fórum, marcado para dezembro. “Estamos percebendo cada vez mais o aumento no interesse dessas empresas, e por isso esperamos por ainda mais ideias novas, que podem se cadastrar no site do grupo”, ressalta Antoun.

Sobre o GVAngels

O GVAngels foi criado em 2017, reunindo um grupo de investidores-anjos formado por ex-alunos da Fundação Getúlio Vargas. Os membros do time possuem vasta experiência no ecossistema de startups no Brasil e têm autonomia e independência no processo de investimento das empresas selecionadas. Tem como um dos fundadores Mike Ajnsztajn, também cofundador da aceleradora de startups ACE. Geradora de oportunidades, realiza eventos como iniciativa educacional e fóruns em que seleciona os próximos projetos a serem investidos.

Sobre a Bossa Nova Investimentos

A Bossa Nova Investimentos empresa de Micro Venture Capital liderada pelos empresários Pierre Schurmann e João Kepler, que soma mais de 170 startups investidas em seu portfólio. A Bossa Nova realizou mais de 110 investimentos diretos em startups no Brasil e nos Estados Unidos em 12 meses e recentemente anunciou a sua entrada na maior recentemente se tornou sócia da maior aceleradora da América Latina, a ACE.

Compartilhe nas redes sociais:
 
Copyright © 2008-2017 Falando de Varejo.