• Últimas postagens

    Áurea Alimentos comemora crescimento e projeta 2018 no mercado nacional

    Com uma linha variada de produtos e constante investimentos, a Áurea Alimentos, de Braço do Norte (SC), comemora o balanço de 2017 com números expressivos, após períodos de grandes desafios enfrentados pela economia nacional e pelo setor alimentício.

    Para 2018 a marca, que contempla 80% de atendimento ao segmento de Food Service e 20% direcionado ao consumir final, projeta avanços ainda maiores, com o lançamento de novas linhas de produtos e a ampliação de mercado dos produtos atuais.



    No ano de 2017, a Áurea Alimentos conquistou um acréscimo de volume em torno de 11%, em relação a 2016. Uma ótima notícia se comparado aos anos de 2014 e 2015, quando não foram registrados aumentos, num cenário estimulado pela crise que também afetou o setor alimentício.

    A Áurea obteve crescimento mais significativo nas linhas que estão recebendo investimento específico. No comparativo com 2016, houve um aumento de 23% em volume de vendas nos doces de leite. Já na linha Festa, foram registrados mais de 10% de aumento.

    Para o diretor comercial da Áurea Alimentos, Marcel Felipe, o crescimento do setor em 2017 é a preparação para um grande avanço este ano.

    “No ano passado a economia ensaiou uma recuperação e isso, somado aos investimentos feitos pela Áurea, trouxeram bons resultados para o saldo positivo no ano. Esse cenário aponta para a necessidade de investimentos ainda maiores em 2018 e para termos segurança de que o mercado está pronto para absorver as grandes novidades que planejamos para este ano”.

    Investimentos intensificados

    Norteada por este aumento expressivo e pela sinalização de aquecimento no setor alimentício, a Áurea Alimentos projeta investimentos ainda maiores para 2018.

    A linha Festa, por exemplo, está sendo totalmente reformulada, com expectativa de acréscimo superior a 35% em 2018. A reformulação da linha Festa compreende desde a embalagem até aprimoramento da formulação, que são o brigadeiro, o beijinho e o cajuzinho.

    A empresa também vem investindo fortemente no seu parque fabril para o aprimoramento dos processos e, consequentemente, o aumento da capacidade produtiva. Nesta unidade foi investido R$ 5 milhões.

    Para isso, foi construída uma nova unidade produtiva que focará na produção de vários itens a base de leite, como doces de leite e os preparados, como a linha Festa. A previsão para a unidade começar a rodar efetivamente na sua capacidade é para o mês de março.

    Já no final do ano passado, foram iniciados os projetos para a implantação de uma quarta unidade, que complementará o complexo produtivo da Áurea com foco na produção de misturas em pó, como a linha de refrescos. A previsão de investimento na nova unidade será de cerca de R$ 2 milhões.

    Consolidação no mercado

    Para a gerente Schirlei Osmarini, 2017 também foi marcado como um ano de forte investimento na área de comunicação, que segue como estratégia da empresa para reforçar a consolidação no mercado nacional.

    “Para ampliação da visibilidade da marca, por exemplo, foram realizadas campanhas de comunicação direcionadas para o crescimento das linhas produzidas na nova unidade, como sobremesas lácteas e doces de leite. Em março deste ano, a Áurea Alimentos entra com uma estratégia diferenciada para ativação da Linha Festa, que contará também com novas e atrativas embalagens”, adianta.

    A gerente de marketing ressalta que um dos grandes desafios para a marca ainda é a ampliação de venda de todo seu mix. “Temos um portfólio com mais de 130 produtos, mas ainda existe uma dependência grande do faturamento, 70% dele, concentrado em dez itens chaves. Talvez este seja o grande desafio não só da Áurea, mas da grande maioria das indústrias no Brasil”, menciona.

    Já no primeiro trimestre de 2018 a Áurea Alimentos fará o lançamento oficial de novas linhas de produtos, ampliando ainda mais seu mix e a inserção no mercado nacional.