domingo, 27 de julho de 2008

Som no varejo. Melhorando as vendas.

E vamos falar de música.

Tem muita gente que ainda acredita que musica no ponto de venda nao serve para coisa alguma, ou nao toma nenhum tipo de cuidado no tipo de musica que coloca em sua loja.
Tal como a aplicação das cores, comunicação visual, equipamentos de exposição e muitos outros, a música auxilia na construção da marca. Como se fosse um acessório, ela deve estar de acordo com o posicionamento que sua loja quer, com a imagem que você deseja passar ao seu consumidor.

Já entrei em lojas que a mercadoria exposta nao tinha nada a ver com a musica que estava tocando, muitas vezes selecionada pelo funcionário, pelo seu gosto musical. Certa vez, entrei em uma loja, do tipo daquelas que a gente encontra nos calçadões dos grandes centros, que vendia artigos de decoração, e pasmem, estava tocando Mettalica (para quem nao sabe, uma excelente banda de heavy metal, mas que nao combina com o ambiente proposto) !

Imagine uma loja de jóias como uma Vivara ou H.Stern, por exemplo, tocando Calipso ? Nada contra a musica em si, desde que estivéssemos falando de uma loja de perfil popular.

Mas como fazer uso da musica para melhorar as vendas ?

Imagine você dirigindo seu carro durante a noite, onde voce começa a ficar sonolento. Daí então voce resolve colocar uma música. Que tipo de música voce coloca ? Certamente uma música mais rápida, de modo a deixar voce mais disposto, do contrário, uma musica mais lenta, irá apenas propiciar o sono.

Com a loja, trabalhamos da mesma maneira.

Um rock ou uma música mais rápida: É utilizado para acelerar o cliente no ponto de venda. Uma musica mais rápida vai fazer com que seu cliente ande mais rápido por sua loja. Voce pode utilizar o efeito de uma musica como esta no momento que o excesso de clientes em sua loja está prejudicando sua segurança ou a qualidade de atendimento que voce presta.

Uma musica do estilo new age ou uma musica mais lenta: São utilizadas para reter seu cliente no ponto de venda. Uma musica mais lenta fará com que seu cliente fique mais tempo em sua loja, passe mais tempo à vontade, e por consequencia, compre mais. É o tipo de musica mais utilizado pelos lojistas.

Uma musica eletronica ou de caráter jovem: São utilizadas principalmente por lojas de vestuário, e a escolha do tipo bandas ou artistas tem a ver com o perfil das roupas vendidas, por exemplo, uma loja de surfe irá colocar uma trilha de reggae, ou de artistas que fazer sucesso com o tipo de clientes que frequentam a loja, já numa loja de perfil fashion, a trilha certamente sera composta por musicas eletronicas ou que passem um perfil de modernidade e ultima tendencia à loja.

Musica é interessante e melhora suas vendas, mas para utilizar a musica no ponto de venda, é necessário estar atento ao pagamento das taxas de ECAD, referidas aos direitos autorais dos artistas. Mesmo sendo consideradas abusivas por muitos, não pagar estas taxas pode gerar uma multa ao seu estabelecimento. Mesmo se voce sintonizar uma rádio na sua loja, teria de pagar as tais taxas.

Uma maneira de escapar do ECAD seria tocar musicas que ja sao consideradas como de dominio publico, como as musicas classicas por exemplo. Vale a pena checar se o tipo de musica que sua loja pretende utilizar esta já caracterizada como dominio publico. Entretanto, vale lembrar que a música sempre deve estar de acordo com o perfil de sua loja. Sempre.

(Duvidas sobre o assunto ? Deixe um comentario abaixo com suas duvidas sobre varejo)

Um grande abraço e boas vendas !

Caio Camargo
http://falandodevarejo.blogspot.com/
Post Anterior
Próximo Post

Um comentário:

  1. Bom dia Caio,
    desculpa estar escrevendo um post tanto tempo depois mas gostaria de mais informações sobre que tipo de música colocar... Trabalho em um estabelecimento voltado para a area de ferragens e fechaduras, que é voltada para um perfil classe média, classe média alta em Niterói. Que tipo de música poderia colocar?
    Renata

    ResponderExcluir


Não deixe de participar!
Qual sua opinião sobre o conteúdo acima?