sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

Fachadas: Atraindo o cliente da maneira correta através de uma fachada interessante

Ola a todos.

O assunto de hoje é sobre fachadas

Quem não gosta de ser bem atendido e sentir-se em um ambiente agradável quando entra numa loja? A organização interna é muito importante para conquistar a clientela. Mas não podemos esquecer que antes de chegar nesse ponto, o cliente precisa cruzar a porta, ou seja, precisa interessar-se a entrar na loja.

É neste momento que se torna necessário o cuidado com a apresentação do estabelecimento, ou seja, com a fachada do local. De nada vai adiantar um ambiente interno prático e bonito, se a entrada da loja não chamar a atenção do cliente.

O cuidado principal deve estar sempre voltado para o nome da loja. O ideal é colocar o nome do estabelecimento em destaque e, nas lojas de rua, a fachada deve apresentar a identificação do número e telefone. Informações como a marca de parceiros ou colaboradores, em excesso, podem "sufocar" o principal que é o NOME da sua própria loja. Além disso, muita informação provoca uma verdadeira poluição visual, o que não estimula ninguém a lançar um olhar mais atento.

E como montar a fachada, então?
O bom gosto e a harmonia devem estar combinados na hora de se planejar a fachada.

Cor: O tom escolhido pode funcionar como um reforço visual da marca e é uma solução eficiente e econômica. Cores claras sujam com facilidade e não despertam tanto as atenções. Procure utilizar tons que destaquem a entrada do local. Independentemente das cores e da marca, você deve buscar aquelas que se destaquem no entorno onde está implantada a edificação. Se você quer que sua marca apareça, não pinte de verde uma edificação que fica de fundo para uma mata fechada, por exemplo.

Alumínio e derivados: O uso desse tipo de material ainda é arrojado, mas devido ao seu uso bastante difundido, já não é uma opção tão nova e diferente para criar grande destaque visual, porém economiza-se na hora de construir e são instalados rapidamente. Se for essa sua escolha, uma dica vai para a manutenção, pois em longo prazo, podem gerar alguns pequenos gastos, por isso tente buscar composições com versões coloridas desse tipo de material.

Revestimentos cerâmicos: com preços acessíveis, são de fácil aplicação e existem em variações antipixação. Tome cuidado para não exagerar na mistura de cores e motivos. Isso evita que a entrada de sua loja fique cansativa para quem olha.

Iluminação: Um bom arquiteto, ou profissional da área pode orientá-lo sobre algumas opções, como o back light, o front light ou o neon - todos interessantes para chamar a atenção, desde que esteja funcionando perfeitamente. Assim também, colocados estrategicamente, spots, refletores e holofotes podem criar um interessante e chamativo jogo de luzes e sombras. Não se esqueça que durante a noite, mesmo a loja estando fechada, ela ainda pode funcionar como um chamariz para novos clientes. Esteja sempre visível.

Além da escolha do material é preciso manter sempre a fachada em ordem, limpa e atraente para quem passa em frente ao local. A manutenção da fachada é essencial - esteja sempre atento às lâmpadas queimadas, adesivos sujos ou rasgados, pintura ou pastilhas muito sujas etc. Cuidados como esses se mostram eficazes na hora de manter a clientela e conquistar novos olhares.

Um grande abraço e boas vendas
Caio Camargo
FALANDO DE VAREJO
Post Anterior
Próximo Post

2 comentários:

  1. Ola Fábricio,

    Gostei muito desse artigo, e tenha certeza de que será fundamental para mim.
    Meu nome é Lucas,gostaria que fizesse um post sobre como organizar uma loja de materiais de construção, pois o mesmo teria muita serventia para mim.

    Desde já,obrigado.

    ResponderExcluir
  2. adorei estas dicas.
    estou querendo montar uma loja de roupas intimas,e com certeza estas dicas vai me ajudar muito. muito obrigada!

    ResponderExcluir


Não deixe de participar!
Qual sua opinião sobre o conteúdo acima?