sexta-feira, 3 de abril de 2009

Publicado por Abril.com

O corte no IPI (Imposto Sobre Produtos Industrializados) para enfrentar a crise levou as vendas de automóveis no Brasil a baterem recorde no primeiro trimestre de 2009, após a forte retração no último trimestre de 2008.

Nos três primeiros meses deste ano, 668.314 veículos novos foram emplacados, o maior número para um primeiro trimestre na história do Brasil, segundo os dados do Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavam).

O número é 3,14% superior ao do primeiro trimestre do ano passado, que havia sido o recorde anterior.

As vendas trimestrais foram impulsionadas pelo resultado de março, quando 271.494 veículos novos foram emplacados, em um número 16,95% superior ao do mesmo mês de 2008 e que também bateu um recorde.

Os automóveis vendidos em março superaram em 36,1% os de fevereiro deste ano.

As vendas de março só perdem para as de julho do ano passado (288.137 unidades), recorde mensal alcançado antes de a crise se agravar no Brasil.

Principal medida do Governo contra a crise, a redução de 7% a 0% do IPI cobrado sobre os veículos novos de até mil cilindros foi prorrogada até junho.

De acordo com o Renavam, as maiores vendas no primeiro trimestre deste ano foram da (152.700 unidades), seguidas pelas da Volkswagen (151.700) e da General Motors (123.300).
Post Anterior
Próximo Post

0 comentários:


Não deixe de participar!
Qual sua opinião sobre o conteúdo acima?