segunda-feira, 29 de junho de 2009

Mundo Verde negocia novas franquias na Expo ABF 2009

São Paulo deverá ganhar 5 lojas e outras 4 serão abertas em RJ, AM, PI e MS.
Conceito de ‘lojas verdes’ e uso de mídias sociais chama atenção dos candidatos


Cerca de 280 candidatos a franqueados visitaram o estande do MUNDO VERDE durante a feira ABF Franchising Expo 2009, realizada dias 17 a 20 de junho, em São Paulo. Como resultado preliminar das negociações iniciadas durante o evento, pelo menos nove lojas da rede deverão ser abertas já nos próximos meses em cinco estados. Das novas franquias negociadas, cinco ficam em São Paulo (Campo Belo, Vila Olímpia, Guarulhos, Vila Madalena e Taubaté), uma no Rio de Janeiro (Angra dos Reis) e as demais em importantes capitais das regiões Norte, Centro-Oeste e Nordeste, onde a marca ainda não havia chegado: Manaus (AM), Teresina (PI) e Campo Grande (MS).

Esta foi a sétima vez que a rede participou do evento, promovido pela Associação Brasileira de Franchising (ABF). Os resultados superaram as expectativas, na avaliação do diretor comercial da franquia, Jorge Antunes. “Recebemos em nosso estande dezenas de interessados em conhecer a marca e levá-la para suas cidades e iniciamos as negociações para fechar contratos com nove futuros franqueados. Foi um resultado realmente excelente e superamos nosso principal objetivo, de expandir a marca em São Paulo e outros estados onde ainda não havíamos chegado”, afirma o empresário.

Antunes, que também é sócio-fundador da marca, anunciou ainda durante o evento que a rede deverá crescer este ano na Região Sul: em agosto abrirá sua primeira loja em Caxias do Sul (RS) e já prospecta interessados nas cidades de Canoas, São Leopoldo e Novo Hamburgo. Atualmente, a rede mantém três lojas no Rio Grande do Sul: Porto Alegre, Bento Gonçalves e Pelotas. Considerada pela ABF a maior franquia especializada em alimentação saudável e produtos para bem-estar da América Latina, o Mundo Verde está presente atualmente em 15 estados e no Distrito Federal, com 137 lojas, além de uma franquia em Portugal.

Lojas verdes

Uma novidade que despertou atenção de futuros investidores durante a ABF 2009 foi a proposta do Mundo Verde de adotar o conceito de lojas verdes, utilizando critérios de arquitetura sustentável nos projetos de montagem e decoração das novas lojas. “Acreditamos que a primeira loja completamente verde, com arquitetura, design e produtos identificados totalmente com o conceito de sustentabilidade, será unaugurara ainda este ano em São Paulo”, antecipou o diretor.

Desde 2008, a franquia também passou a adotar alguns critérios de arquitetura sustentável na elaboração dos projetos das novas lojas, bem como de reforma das unidades já existentes. As lojas de Vila Mariana, Ribeirão Preto, São Bernardo do Campo, Shopping Eldorado e Vila Pompéia (SP); Floripa Shopping e Florianópolis-Centro (SC), Curitiba (PR), João Pessoa (PB) e Botafogo-Voluntários (RJ) já usam mobiliário com MDF certificado com o selo FSC (da sigla em inglês Forest Stewardship Council, o sistema de certificação florestal mais reconhecido em todo o mundo).

Já a nova loja de Pamplona, antiga Frei Caneca, em São Paulo, utiliza piso eucaflor também certificado. As lojas novas têm utilizado ainda lâmpadas econômicas com o selo FSC, entre outras iniciativas. Na rede, há ainda outros exemplos do uso de fontes alternativas de energia como solução barata e sustentável para a manutenção das lojas: em Cabo Frio (RJ), o franqueado decidiu utilizar exaustores eólicos no lugar do ar condicionado, o que representa redução de energia elétrica e impactos ao meio ambiente.

Novidades


Outra novidade apresentada durante a feira foi a abertura de novos canais de relacionamento com os clientes, com a recente criação do Blog Mundo Verde e a utilização de redes sociais como Orkut, Facebook, Twitter e You Tube. O novo sistema de vendas a granel, bem-sucedido em recentes experiências nas lojas de Florianópolis e Recife, especialmente para vendas de produtos dos segmentos de cereais, chás e ervas para tempero, também gerou interesse de possíveis parceiros da marca.

Uma tendência no crescimento do Mundo Verde em grandes cidades é o modelo de loja em shoping center: até o fim deste ano, serão 50 unidades neste formato. Outros modelos comercializados pela rede são lojas de rua e store in store, especialmente em academias, supermercados e postos de gasolina. As lojas Mundo Verde têm ainda a opção de agregar espaços para pequenas lanchonetes, onde são servidos na hora lanches, salgados e tortas light, diet e integrais, além de bebidas saudáveis.

Crescimento em 2008


Independemente dos resultados da feira da ABF, a rede Mundo Verde já projetava encerrar o ano com crescimento superior a 12% em relação a 2008, com 16 novas lojas (7 em operação e 9 programadas) e mais 8 em negociação para abertura ainda este ano ou em 2010. No ano passado, foram abertas 20 novas lojas, um crescimento de 16,6% sobre 2007.

A maior concentração permanece no Rio, onde a rede acaba de abrir sua 81ª loja, na cidade de Barra Mansa, e planeja mais quatro ainda este ano, seguida de São Paulo, onde já possui 20 lojas e abrirá mais duas, entre outras em negociação. Em terceiro lugar, empatam os estados do Ceará, Pernambuco e Bahia, cada qual com seis lojas em operação.

Em janeiro deste ano, a rede se tornou a primeira franquia a abrir as portas em Fernando de Noronha (PE). Também comemora o sucesso de sua primeira loja na Europa: no final de 2008, abriu as portas em Portugal (Vila Nova de Gaia, Porto), dando prosseguimento ao processo de internacionalização da marca, iniciado em 2007 por Angola (Luanda).

Mundo Verde em números:
- 137 lojas em operação no Brasil (15 estados + Distrito Federal);
- 1 master franquia internacional em Portugal;
- 16 novas lojas assinadas para 2009 (7 já abertas e 9 programadas) e outras 8 em negociação – crescimento de 12% em relação a 2008;
- 20 novas lojas abertas em 2008 no Brasil – 16,6% de crescimento;
- 1 mil funcionários diretos (média de sete em cada loja) e 3 mil indiretos;
- 65 mil clientes/dia;
- 27 mil produtos cadastrados;
- 5 mil itens oferecidos em média em 19 segmentos em cada loja;
- 800 fornecedores cadastrados (90% micro e pequenas empresas).

Ficha técnica da franquia:
Investimento médio em loja – R$ 150 mil
Faturamento médio mensal – R$ 85 mil
Taxa de franquia – R$ 40 mil
Taxa de publicidade – 1% do faturamento bruto
Taxa de royalties – 4,5% do faturamento bruto
Capital de giro – R$ 30 mil
Margem de lucro médio – 13% do faturamento bruto
Prazo médio de retorno do investimento – 36 meses
Área mínima para o funcionamento de uma loja – 60 m2
Número mínimo de funcionários por loja – 5
Prazo do contrato – 60 meses
Contatos - (24) 2237-2528 / expansao@mundoverde.com.br
Post Anterior
Próximo Post

0 comentários:


Não deixe de participar!
Qual sua opinião sobre o conteúdo acima?