sexta-feira, 20 de novembro de 2009

Cerca de 530 adolescentes irão receber atendimento oftalmológico gratuito em Belo Horizonte

O Projeto “Ver é bom demais”, promovido pela Fundação CDL Pró-Criança, realiza a sua 8ª edição no dia 21 de novembro

A Fundação CDL Pró-Criança realiza nesse sábado, dia 21 de novembro, de 8 às 14 horas, no Centro Universitário UNA, Campus Aimorés (Rua Aimorés, 1451 – Funcionários), mais uma edição do Projeto “Ver é Bom Demais”. O mutirão visa prestar assistência oftalmológica gratuita a aproximadamente 530 adolescentes que são atendidos pelo Programa Educação & Trabalho.

Idealizado em 2002, o projeto “Ver é bom demais” atua em três etapas. Na primeira são feitos os testes de acuidade visual e na segunda são realizadas as consultas oftalmológicas aos que apresentaram baixa acuidade. Em média, 20% dos exames realizados são encaminhados para consulta. A entrega dos óculos às crianças e adolescentes faz parte da última etapa e, normalmente, cerca de 50% dos casos encaminhados às consultas recebem óculos. Aos casos mais graves, são oferecidas orientações e encaminhamentos para os tratamentos. Desde a sua criação, o projeto já realizou mais de 2 mil testes.

O projeto é uma iniciativa do CDL-Jovem e da Fundação CDL-BH Pró-Criança, com o apoio da Câmara dos Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL/BH) e conta com parceiros e voluntários para aplicação de testes, doação de consultas e óculos e realização de oficinas.

Incentivo ao voluntariado:

O voluntariado é uma das formas de atuação da Fundação CDL Pró-Criança, estimulando a participação de pessoas com apoio, capacitação, reconhecimento e valorização, ampliando o alcance de projetos e ações sociais que visam à transformação e a melhoria da qualidade de vida de crianças e adolescentes.

Atualmente participam do projeto “Ver é bom demais” a Óptica Artesanal, Optical Express, Centro Visão, Optiminas Comércio Óptico, BH Trans e Prefeitura de Belo Horizonte.

Post Anterior
Próximo Post

0 comentários:


Não deixe de participar!
Qual sua opinião sobre o conteúdo acima?