quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

C&A inaugura sua primeira loja "verde" no país

A C&A inaugurou hoje sua primeira loja "verde" no Brasil e a segunda do mundo

A primeira foi inaugurada em 2008, em Mainz, na Alemanha. O espaço no centro da Capital gaúcha (Rua dos Andradas, 1620) foi totalmente remodelado e adota conceitos de sustentabilidade com o objetivo de racionalizar o consumo de água, de energia e, consequentemente, de emissão de C0².

Haverá um local exclusivo de informações sobre sustentabilidade e com coleções sustentáveis da C&A, como camisetas de algodão orgânico, sacolas retornáveis, chinelos de pneu reciclado e camisetas de malha feitas com garrafas pet recicladas. O local ainda contará com coletor de lixo eletrônico, como celulares, pilhas e baterias; painéis com ações de sustentabilidade da C&A e monitores especialmente treinados para dar informações sobre o assunto.

Outra novidade é o telhado verde na cobertura, com 640 m², que estará finalizado em fevereiro do ano que vem. Além de promover a biodiversidade, o isolamento térmico acarretará a redução do calor e do frio no interior da loja e, conseqüentemente, a menor necessidade do uso do ar condicionado.

Outras iniciativas diminuem os impactos ambientais gerados pela reforma e no funcionamento da unidade. São elas:

Iluminação inteligente, com lâmpadas econômicas e sensores de presença nas escadas;

Paredes claras as quais melhoram as condições térmicas, reduzindo o uso de ar condicionado;

Uso de painéis solares, instalados na cobertura, para o aquecimento da água dos chuveiros;

Gerenciamento remoto de demanda que controla o uso do ar condicionado conforme a temperatura e o número de usuários na loja;

Troca dos motores das escadas rolantes;

Substituição de grande parte dos equipamentos eletrônicos por modelos de baixo consumo;

Chuveiros e torneiras de baixa vazão;

Mictório a seco (sem água);

Sistema de irrigação eficiente, com 50% de aproveitamento de águas pluviais para irrigação do telhado verde, eliminando o uso de água potável;

Uso de tintas com quantidade mínima de substâncias nocivas à saúde.


Fonte: BlogArPuro
Post Anterior
Próximo Post

0 comentários:


Não deixe de participar!
Qual sua opinião sobre o conteúdo acima?