Buscar

Copa e Dia dos Namorados elevarão vendas em shoppings, prevê Alshop

Empreendimentos e lojistas já planejam inúmeras ações para as duas datas, comemoradas no mesmo mês, quando espera-se grande fluxo de consumidores

Ao contrário dos anos anteriores, o mês de junho será totalmente diferenciado para o varejo de shoppings, devido às comemorações quase que simultâneas da Copa do Mundo de Futebol e do Dia dos Namorados. E as datas prometem dar um verdadeiro salto nas vendas do setor, com os segmentos varejistas esperando resultados específicos.

Segundo pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Lojistas de Shopping (Alshop), a Copa do Mundo deve estimular em 13% o consumo em redes de fast food e restaurantes, inclusive com algumas empresas já planejando ações para manter os consumidores em seus pontos de venda durante os jogos, a partir da instalação de tevês de LCD; rodadas gratuitas de bebidas e porções a cada gol do Brasil; comercialização de pratos temáticos, fazendo referência à Seleção; entre outras iniciativas.

Ainda segundo dados coletados pela entidade, o segmento de artigos esportivos, por ser um setor diretamente ligado à Copa, espera um fluxo de vendas semelhante ao período de Natal, prevendo crescer aproximadamente 35%, concentrando suas vendas em bonés; camisas, incluindo as oficiais da Seleção; acessórios e tênis. E os demais nichos do varejo, como o de vestuário, calçados, entre outros, têm expectativa de 8% de aumento nas vendas.

Os empreendimentos também já buscam entrar no clima verde-amarelo, a partir de campanhas específicas, como exposições fotográficas onde relatam a trajetória da Seleção Brasileira desde a era Pelé até os dias atuais; curiosidades sobre a história das Copas; ponto para o encontro de colecionadores de figurinhas do evento esportivo; sorteio de brindes e promoções diversas.

Em meio às festividades esportivas, o varejo de centros de compras também demanda uma atenção especial ao Dia dos Namorados, especialmente junto aos segmentos que não têm a Copa como grande apelo comercial, tendo em vista o setor de moda feminina; perfumaria e cosméticos; lazer e entretenimento; entre outros. Para esta data, a Alshop projeta um incremento de 12% nas vendas, sendo roupas, sapatos, acessórios, CDs, DVDs e chocolates, os itens mais procurados.


Sobre a Alshop

Prestes a completar 16 anos de existência, a Associação Brasileira de Lojistas de Shopping (Alshop) firma-se cada vez mais como principal entidade representativa do varejo do setor, tornando-se um verdadeiro elo entre lojistas, empreendedores, poder público e demais segmentos da economia, visando o fortalecimento e a capacitação do mercado de centros de compras.

Criada em novembro de 1994 e presidida desde então pelo administrador de empresas Nabil Sahyoun, a entidade é membro da Federação Nacional de Varejo norte-americana (NRF), conta com 17 mil associados no Brasil, e representa hoje cerca de 95 mil empresários nos 711 shoppings instalados no País.

Por meio da Alshop, os associados contam com uma rede de benefícios que inclui assessoria jurídica; acesso a informações dirigidas, fornecedores e prestadores de serviços homologados à entidade, envio de exemplares da associação, além de concessão de descontos em eventos promovidos pela Alshop, tudo visando um maior desenvolvimento e integração entre os profissionais varejistas.

A entidade dispõe ainda de efetivos canais de comunicação impressos e eletrônicos, como a tradicional Revista Alshop; o Portal Alshop (www.alshop.com.br), interativo, dinâmico, com informações diárias e atualizadas sobre todos os acontecimentos de destaque do varejo, contando ainda com a participação de empresários e executivos do setor em geral, encabeçando discussões de interesse do segmento; além da presença da entidade nas principais mídias sociais existentes na internet.

Postar um comentário

0 Comentários