terça-feira, 1 de março de 2011

Magazine Luiza entra com pedido de oferta de ações na CVM

O Magazine Luiza entrou com pedido na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) para uma oferta pública inicial de ações. A empresa fará uma captação primária e secundária.

Os recursos que irão para o caixa da empresa serão usados para abertura de novas lojas, compras de empresas do setor de varejo e de comércio eletrônico, investimentos em reforma de lojas, e reforço no capital de giro.

Na parte secundária, os acionistas vendedores são Brazil Zia I LLC, Brazil Zia II LLC, Wagner Garcia da Silva Junior, Fabrício Bittar Garcia, Flávia Bittar Garcia, Franco Bittar Garcia, Pelegrino José Donato, Luiza Trajano Donato, Onofre de Paula Trajano e Luiza Helena Trajano Inácio Rodrigues, considerados em conjunto.

Em 2010, a receita líquida do Magazine Luiza foi de R$ 4,8 bilhões, com crescimento de 43% em relação a 2009. A empresa se define como uma das maiores redes varejistas com foco em bens duráveis, com grande presença nas classes populares do Brasil. Conta com 604 lojas e oito centros de distribuição estrategicamente localizados em dezesseis Estados brasileiros.

A história da companhia teve início em 1957, quando o casal Luiza Trajano e Pelegrino José Donato fundou o Magazine Luiza em Franca, no interior de São Paulo. Em 1966, para impulsionar o crescimento da empresa, ingressaram o casal Maria Trajano Garcia, irmã de Luiza Trajano, e Wagner Garcia, o que permitiu a ampliação da primeira loja da rede.

Fonte: Valor
Post Anterior
Próximo Post

0 comentários:


Não deixe de participar!
Qual sua opinião sobre o conteúdo acima?