Diane Reade, rede se "pharmacies" americana, onde pode se comprar praticamente tudo obque pode encontrado em uma loja de conveniência no Brasil, apresentou seu projeto de remodelação de lojas, baseado em seus consumidores, os novaiorquinos.

Um dos principais guidelines do projeto foi criar um espaço não de compras, mas de estar. Não se tornar um espaço para estar mal, doente, mas um espaço de promoção de bem estar.

O conceito de espaços "Como estou? (beleza)", "Como me sinto? (saúde)" e "O que eu preciso agora? (conveniência)" são uma grande sacada...