Buscar

Rei do Mate prevê crescimento de faturamento em 2019 com o plano de expansão

Segundo a Associação Brasileira de Franchising, a expectativa de crescimento de todo os setor é de 10% em 2019, puxada pelos bons índices de 2018

Além das 310 unidades espalhadas por 17 estados brasileiros, a marca Rei do Mate aumenta agora a sua presença no Estado do Rio de Janeiro, abrindo, entre fevereiro e abril, uma unidade no Hospital Jacarepaguá, uma na PUC-RJ e outra na Praça XV de Novembro I. O Rio de Janeiro é o segundo estado com mais lojas do Rei do Mate no Brasil – das 320 lojas da rede, mais de 120 são cariocas, confirmando o plano de expansão de 2019 de aumentar a presença local, por consequência, aumento de faturamento. Hoje, 60% do crescimento da empresa nos últimos cinco anos se deve às franquias.


Ainda nesse trimestre, serão abertas, também, uma unidade no Aracajú Parque Shopping (Sergipe), uma no Mogi Shopping, em Mogi das Cruzes (SP), uma na Rodoferroviária de Curiúva (Paraná).

De acordo com índices divulgados pela Associação Brasileira de Franchising (ABF), o número de redes de franquias em operação no país cresceu animadores 5%, em comparação com 2017. Ainda segundo o balanço, o segmento registrou um faturamento anual de quase R$ 160 bilhões, nas mais de 140 mil unidades espalhadas pelo país e aproximadamente 2.800 marcas de franchising.

Investimento

O investimento inicial para abrir uma franquia Rei do Mate varia de R$ 250 mil a R$ 500 mil, com previsão de faturamento mensal de R$ 75 mil.

A previsão em 2019 é abrir, pelo menos, mais 20 novas lojas em todo Brasil, principalmente em cidades com mais de 100.000 habitantes, preferencialmente em capitais e polos comerciais e de serviço. Os estados que, naturalmente, têm mais oportunidade de demanda são Rio de Janeiro, São Paulo e Bahia (Salvador, Feira de Santana), mas estão no radar da marca a busca de pontos em Recife (PE), João Pessoa (PB), Terezina (PI) e Montes Claros (MG).

Outros dados sobre o Rei do Mate


  • O Rei do Mate é a maior franquia de cafeteria do Brasil
  • No ano passado vendeu 1 milhão e meio de copos de mate por mês.
  • São mais de 100 combinações de mate com uma variedade de produtos nessa linha, que são vendidas tanto nas lojas, como para o varejo.
  • Vendeu 8 milhões de pães de queijo por mês em 2018
  • Vendeu um milhão de xícaras de cappucino por mês
  • Vendeu 50 toneladas de ação por mês


Sobre o Rei do Mate

O Rei do Mate foi fundado em 1978, pelo empresário Kalil Nasraui. A primeira loja foi inaugurada na famosa esquina paulista das Avenidas Ipiranga e São João – com apenas 20 m2, conquistou seus primeiros consumidores com uma receita de chá própria, consumida pura ou com leite, limão, caju e maracujá. Foi sucesso na década de 1980, se tornando um ponto tradicional do Centro Paulistano. Por mais de 10 anos, o Rei do Mate manteve 7 lojas próprias, todas em São Paulo, mudando o hábito de consumo de chá dos paulistanos. A entrada da segunda geração da família na empresa, em 1991, estruturou o negócio para que fosse multiplicado como franquia. Foram desenvolvidos novos produtos, novas combinações da bebida – que hoje chega a mais de 100 – e o café e o pão de queijo foram incorporados ao seu Cardápio. Hoje, a rede Rei do Mate conta com mais de 320 lojas instaladas em 17 Estados. Atualmente, é a maior rede de produtos à base de mate do País e é considerada também uma das maiores e mais renomadas cafeterias no formato franchising. Por ano, a rede realiza cerca de 20 milhões de atendimentos em suas unidades. Com 40 anos de fundação e completando 26 anos de franchising, o Rei do Mate conquistou mais uma premiação de peso recentemente: a marca recebeu no Prêmio Melhores Franquias do Brasil o 1º lugar entre as redes de cafeteria do País. Somado a isso, foi contemplada com 5 estrelas entre as 74 melhores redes de 2018/19 - a premiação foi concedida pela revista Pequenas Empresas & Grandes

Postar um comentário

0 Comentários