Buscar

Pegaki fecha parceria com unidade da rede Mundo Verde

Loja localizada na Vila Olímpia passa a integrar a rede de pontos de retirada, que conta atualmente com mais de 600 varejos cadastrados em todo o Brasil

A startup de logística Pegaki, que conecta e-commerces ao varejo físico para entrega de mercadorias, acaba de fechar uma parceria com a unidade Vila Olímpia da Mundo Verde, maior rede de lojas de produtos naturais, orgânicos e de bem-estar da América Latina. Dessa forma, a loja passa a ser um ponto de retirada para as compras online de e-commerces parceiros da Pegaki. Resumidamente, o consumidor compra algum produto em lojas virtuais e seleciona o ponto de retirada mais conveniente. Quando a compra chegar ao ponto, o cliente recebe um SMS com a notificação da chegada da mercadoria e tem até sete dias para passar no local e retirar suas compras.



Segundo João Cristofolini, CEO e fundador da Pegaki, a loja da rede Mundo Verde escolhida está totalmente alinhada aos valores e ao perfil da empresa. "Trata-se de uma marca respeitada, atenta a inovações e soluções que facilitem o dia a dia das pessoas. A unidade Vila Olímpia, especificamente, está estrategicamente localizada em uma região de grande movimento e composta em sua maior parte por escritórios e centros comerciais. Tendo em vista todos esses indicadores, sem dúvida, é uma parceria fundamental para a Pegaki”, afirma.

De acordo com Rafael Castelli, franqueado da unidade Vila Olímpia da Mundo Verde, a novidade chega para agregar ainda mais conveniência aos clientes. “Buscamos nos associar a marcas que disseminem a ideia de uma vida descomplicada e mais inteligente, porque é isso que nossos clientes procuram. A Pegaki apresenta uma resposta simples para um problema complexo, então entendemos que os seus serviços agregam valor para o nosso público. Por isso, estamos muito otimistas com essa parceria”, explica.

Além disso, Castelli destaca ainda o potencial de atração de público e conversão de vendas que Pegaki oferece. Isso porque, em média, 30% dos clientes que passam no ponto para retirar suas encomendas acabam comprando algum outro produto no local. “O custo para atrair clientes é sempre alto e nem sempre ele se converte em negócio. Mas quando você se posiciona no sentido de colaborar e facilitar a vida do consumidor, há um fit natural. É isso que nós da Mundo Verde estamos fazendo por meio desse acordo”, finaliza.

Serviço:

Ponto de retirada Pegaki no Mundo Verde Vila Olímpia
Onde: Av. Dr. Cardoso Melo, 1686
Horário: De segunda a sexta-feira, das 7h30 às 19h30, e aos sábados, das 10h às 16h. Domingo a loja não abre.

Sobre a Pegaki

A rede de pontos de retirada da Pegaki disponibiliza a solução para o problema das entregas não realizadas, sem investimento em infraestruturas caras, como lojas próprias ou lockers. O negócio funciona da seguinte forma: o consumidor compra online em e-commerces e retira seu produto no ponto Pegaki mais conveniente, que são estabelecimentos parceiros que funcionam como pontos de retirada. Dessa forma, a Pegaki traz benefícios para todos as partes envolvidas – os consumidores, os e-commerces, as transportadoras e os estabelecimentos que operam como pontos de retirada.

A Pegaki foi fundada por João Cristofolini (CEO), Ismael Costa (CTO) e Daniel Frantz (COO). Os três executivos possuem vasta experiência no mercado corporativo e de startups. João destaca-se pela construção de uma rede de franquias com mais de 30 unidades pelo Brasil, pela autoria de 6 livros de negócios, além da fundação do ResumoCast, podcast de negócios mais acessado do iTunes no Brasil.

Já Ismael Costa também é CTO e Co-fundador da ConnectMoves e profissional com experiência de dez anos em desenvolvimento de softwares e aplicativos. Por fim, Daniel Frantz foi COO e Sócio da Amplio/Metta Trading por 7 anos e é fundador da Solesto, e-commerce com faturamento de mais de R$ 3,5 milhões por ano.

O perfil dos empreendedores e o potencial disruptivo do negócio da Pegaki vem despertando interesse dos investidores. A empresa foi acelerada pela Cotidiano Aceleradora, em uma primeira rodada de investimento de R$100 mil. Em 2017, a Pegaki recebeu um segundo aporte, de R$360 mil, via EqSeed, plataforma que conecta startups a investidores. O valor foi levantado em apenas 9 dias. Já em 2018, a empresa captou R$ 1,2 milhão pela mesma plataforma. Mais informações: http://pegaki.com.br/

Postar um comentário

0 Comentários