Em função do coronavírus, startup alemã de tecnologia do sono se une ao marketplace B2W e disponibiliza seus produtos com 30% de desconto para os clientes das principais lojas virtuais do País


A necessidade de isolamento para conter a propagação do coronavírus culminou no fechamento de lojas físicas no País todo. Diante deste cenário, as empresas estão reorganizando suas estruturas internas para reforçar a presença em canais on-line. É o caso da marca alemã de colchões Emma, startup alemã que entrou no mercado brasileiro oficialmente no final de 2019, oferecendo um novo conceito de produto, o bed in a box.

A empresa acaba de firmar parceria com o marketplace B2W, que passará a oferecer seus colchões e travesseiros nas principais lojas virtuais do País, como Americanas.com, Submarino e Shoptime. Para garantir que mais colchões cheguem aos lares, propiciando, assim, que a quarentena seja assegurada por melhores noites de sono, a Emma está oferecendo 30% de desconto em todos os tamanhos de colchão nas lojas virtuais. A promoção também vale para a Amazon, e-commerce no qual a startup já mantinha uma operação.

A ampliação de canais online da Emma no Brasil deve pegar carona no crescimento significativo que está ocorrendo no tráfego e nas vendas dos comércios eletrônicos em função da propagação do coronavírus. De acordo com dados da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), alguns sites registram desde o dia 12 de março alta de até 180% nas vendas.

Em pouco tempo de atuação no Brasil, a Emma foi reconhecida pelo Proteste no Brasil por ter o melhor colchão do País. Além disso, somados os 21 países de atuação, a companhia contabilizou o maior crescimento exponencial da história, finalizando o ano de 2019 com uma receita líquida de 150 milhões de euros, um crescimento de 86% em relação a 2018.

Ainda no primeiro semestre desse ano, a startup desenvolverá uma linha de colchões com preço mais acessível, que será denominada Emma Essential. “Planejamos ter pelo menos 10% de share no mercado de colchões brasileiro e queremos ser líder de vendas e-commerce”, comenta Carlos Garcia, co-fundador da Emma no Brasil.

Sobre Emma

Fundada no final de 2015, em Frankfurt (Alemanha), a Emma reuniu investimentos e pessoas que ajudaram a criar o que é hoje conhecido como o colchão Emma Original. Através de diversos estudos, foi desenvolvido o colchão baseado nas necessidades dos consumidores. Apesar de não ter sido fácil, a empresa possui a equipe dos sonhos, que é responsável pelo desenvolvimento de um dos produtos mais competitivos do mercado. Hoje, eles são uma das marcas de colchão online mais reconhecidas da Europa, com prêmios na Alemanha e no continente, assim como reconhecimento de melhor produto do ano em diversos países, como França, Itália, Holanda, Alemanha, Portugal e Espanha. Assim, a empresa amplia seus horizontes para a América Latina com a chegada no Brasil.