Grupo Ri Happy transforma todos os colaboradores em “revendedores digitais”

Grupo Ri Happy transforma todos os colaboradores em “revendedores digitais”

São mais de 4.000 colaboradores que podem se cadastrar no programa de afiliados da Ri Happy a partir desta sexta-feira (03/04). Eles passam a atuar como vendedores online nesse período de isolamento em casa e com direito a comissão


A maior marca brasileira do varejo infantil vem se adaptando ao momento de combate contra a COVID-19. Com todas as 284 lojas fechadas para atendimento presencial, a rede reforçou seu e-commerce, criou um serviço de vendas via whatsapp (o Disk Brinquedo ) e agora lança nessa sexta o programa “Revendedor Ri Happy”. Todos os funcionários do Grupo - loja, sede, sac, centro de distruibuição e até mesmo diretoria – passam a vender online produtos disponíveis no e-commerce por meio de divulgação nas redes sociais, grupos de amigos, sites e blogs.

De acordo com a diretora de marketing do Grupo Ri Happy, Emilia Velloso, a empresa já estudava o lançamento do programa antes mesmo da chegada da crise e a ideia seria lançá-lo no meio do ano. “Devido ao cenário da pandemia com lojas fechadas e funcionários em casa, decidimos correr e implementar o programa o mais rápido possível. Será mais uma forma de nos ajudar nas vendas nesse momento tão difícil, continuar a levar a brincadeira para dentro da casa dos nossos clientes e, ao mesmo tempo, os colaboradores conseguem uma renda extra que será muito bem-vinda”, afirma a diretora.

Nesse início, o programa só é válido para colaboradores da Ri Happy e será aprimorado ao longo do tempo. Cada revendedor recebe um código ao se cadastrar no programa e pode criar links de produtos do site (www.rihappy.com.br) para divulgar na sua rede de contatos. A empresa vai rastrear cada venda realizada através do código do revendedor, que recebe uma comissão pela mesma. “É uma comissão bastante atrativa. Eu serei um revendedor Ri Happy e tenho certeza que o time vai focar nesse novo projeto com muita dedicação. Mesmo à distância, vamos vencer juntos esse cenário de crise”, ressalta o presidente Héctor Núnez.

Desde o dia 04 de março, o Grupo Ri Happy instalou um comitê de crises para  monitorar os fatos e apoiar seus colaboradores e clientes no combate ao novo coronavírus. As vendas online seguem crescendo e a marca realiza via redes sociais um apoio aos pais para entreter seus filhos em casa através da campanha #modobrincaremcasa com sugestões diárias de brincadeiras e material educativo.

Sobre o Grupo Ri Happy

O grupo Ri Happy, líder no mercado de brinquedos, atualmente conta com mais de 280 unidades espalhadas pelo Brasil e tem como missão estimular o desenvolvimento infantil por meio do brincar. A expansão do grupo continua por todo país com novas unidades das marcas Ri Happy, PBKIDS, Ri Happy Baby e Mundo Ri Happy. Em 2012, The Carlyle Group, gestor global de investimentos alternativos, adquiriu a Ri Happy Brinquedos e a PBKIDS. Em  2013,  o grupo iniciou as atividades da marca Ri Happy Baby, unidade da rede Ri Happy desenvolvida para atender todas as necessidades das gestantes com os melhores produtos do segmento de bebês.  A marca Ri Happy completou 30 anos de atividades em 2018 e busca oferecer um atendimento cada vez mais diferenciado e experiência de compra inesquecível para todos os clientes. Os sites da empresa são:  www.rihappy.com.br , www.pbkids.com.br e https://www.rihappybaby.com.br
Anterior
Próximo

post written by:

0 Comentários: