[ListLayout]
×

Startup para gestão de vendas aumenta faturamento em 310% na pandemia


Kyte oferece uma plataforma de vendas e gestão para digitalizar pequenos comércios.

As pesquisas sobre o varejo durante a pandemia já provaram que o momento é favorável para as iniciativas digitais. Segundo o fundo de venture capital Atlantico, entre março e maio de 2020, o e-commerce brasileiro cresceu em 10 semanas o equivalente aos 10 anos anteriores em sua participação nas vendas totais do varejo. Entre abril e junho, foram realizadas 82,2 milhões de compras online no Brasil, o que representa um crescimento de 112,3% em relação ao mesmo período de 2019, como aponta parceria da Lett e Neotrust. Diante do cenário, startups voltadas para a digitalização desses negócios, como a Kyte, ganham espaço. Desde o início do ano, a plataforma mobile de vendas e gestão aumentou sua base de clientes em 175% e, o faturamento, em 310%. 

A expectativa é chegar em mais de 20 mil clientes pagantes até o final do ano, o que representa um crescimento de mais de 470% em faturamento comparado a janeiro. “A ideia da Kyte é democratizar o acesso a ferramentas de vendas e gestão, trazendo para o celular recursos que antes só eram encontrados em software para computadores. Nós percebemos que os vendedores autônomos e pequenos comerciantes tinham essa necessidade de contar com um sistema simples para a gestão dos seus negócios, que era sub-atendida pelo mercado”, comenta o CEO da Kyte, Guilherme Galesi Hernandez. 

A startup surgiu em 2017, em Florianópolis (SC), com o propósito de modernizar os sistemas tradicionais para gestão de comércios. Hoje, três anos após seu lançamento, a iniciativa global conta com uma equipe de 18 pessoas atuando de forma remota para atender cerca de 40 mil clientes em 143 países. No último mês, os usuários do Kyte registraram mais de 2.7 milhões de vendas no aplicativo e a expectativa é que esse número cresça para 4.5 milhões até dezembro. Só no Brasil, foram registrados mais de 100 milhões de reais em vendas em setembro.

Para o CEO, um dos destaques da plataforma é o foco na solução das principais dores do pequeno negócio, como cadastro de produtos e de clientes, controle de estoque, gestão de pedidos, emissão de recibos e catálogo online, de forma bem simples e prática. Os recursos funcionam para pequenos vendedores e prestadores de serviço de qualquer segmento: restaurantes e lanchonetes; lojas de roupas, acessórios ou cosméticos; lojas de conveniência, pet shops; vendedores de casa, que fazem doces, por exemplo; entre outros.

Apesar de ajudar na digitalização dos negócios, a plataforma também é adequada para quem possui um modelo de vendas híbrido,transitando entre o online e o presencial. O objetivo é preencher um gap entre softwares tradicionais mais robustos, plataformas de e-commerce totalmente voltadas para vendas online e vendedores que já vendem pelo Instagram e WhatsApp, mas sem ferramentas de gestão, encontrando no Kyte uma forma para aumentar as vendas e organizar o negócio pelo celular.

“O app começou só como um ponto de vendas mobile, mas, com o tempo, fomos expandindo e inserindo novas funcionalidades importantes para os pequenos negócios. Um dos principais avanços foi o catálogo, que cria um novo canal para esse vendedor. Primeiro, só havia a possibilidade de visualização dos produtos e, depois, também a de realização do pedido, como em uma lojinha online”, explica Guilherme. Para essas vendas, o Kyte aceita pagamento online com cartão e carteira digital ou integração com maquininhas de cartão da SumUP e do Mercado Pago, possibilitando até a tradicional venda no fiado. A plataforma também está lançando uma versão com link de pagamento.

Sobre a Kyte

A Kyte é uma plataforma de vendas e gestão, criada para auxiliar vendedores autônomos e pequenos comerciantes a venderem mais, gerenciar melhor seu dia e fidelizar clientes de forma simples, pelo celular. Atualmente, o app original de Florianópolis (SC) tem 40 mil usuários ativos em 143 países, registrando um volume médio de 2.7 milhões de vendas por mês.

Comentários