[ListLayout]
×

SuperGeeks lança franquia de baixo investimento e sem Royalties

Home based, a Microfranquia Digital SuperGeeks é perfeita para quem tem disciplina para trabalhar em casa e ideal para empreendedores com investimento enxuto



Uma escola de programação e robótica jamais poderia deixar de lado as demandas do segmento educacional por inovações tecnológicas, já que tecnologia é o seu carro-chefe. Principalmente devido à pandemia da Covid-19, a necessidade do ensino à distância, está cada vez mais latente e tecnologias de última geração se fazem necessárias para garantir qualidade.

A era digital está realmente tomando conta da educação brasileira e não é somente este setor que está sentindo os impactos do novo coronavírus, o mercado de trabalho também está sendo bastante influenciado e vislumbra cada vez mais as vantagens de se trabalhar em casa. 

Diante deste cenário, a SuperGeeks, primeira escola de programação e robótica para crianças a adolescentes do país, acaba de lançar a Microfranquia Digital SuperGeeks, primeira rede de franquia digital no setor de programação, que oferece aulas de programação e robótica totalmente online e ao vivo para crianças e adolescentes. A marca oferece baixo investimento inicial, não cobra royalties e ainda permite de trabalhar em casa (home based).

“Ao investir em nossa microfranquia, o franqueado tem as vantagens de ser seu próprio chefe, fazer seu próprio horário e trabalhar sem sair de casa investindo pouco e sem a necessidade de montar salas de aula. Além disso, ele conta com know-how de uma marca líder de mercado, com baixo custo operacional, suporte total ao franqueado e tem prioridade para abrir uma unidade física em sua cidade ou região, a depender do contrato e interesse dele”, conta Marco Giroto, fundador da SuperGeeks.

Saiba como funcionam as aulas online e ao vivo da SuperGeeks

As aulas da Microfranquia Digital SuperGeeks acontecem ao vivo, uma vez por semana, com um ou dois instrutores em uma turma reduzida com poucos alunos, que acompanham as orientações do instrutor e conseguem tirar dúvidas em tempo real. O instrutor por sua vez, também consegue acompanhar a tela do aluno, e uma vez no portal ele pode fazer este acompanhamento em tempo real.

As turmas para os cursos são divididas para quatro faixas etárias: Level Zero, para crianças a partir dos sete anos de idade (segundo ano escolar), Level One, a partir de oito anos (terceiro ano escolar) e Level Two, que é a partir dos doze. Também há o Level Three, dos 15 aos 17 anos, Robótica Arduino, a partir dos 9, e MasterGeeks (profissionalizante), a partir dos 12 anos.

Veja os diferenciais dos cursos da SuperGeeks

A SuperGeeks utiliza em seus cursos, a modalidade de ensino chamada Blendend Learning, ou ensino híbrido, que é considerada futurista, e que na SuperGeeks já faz parte da realidade. Caracterizado por mesclar o modo online e offline, o método faz do professor um facilitador, ele deixa de ser o detentor do conhecimento, ajudando os alunos a identificarem suas dificuldades e melhorarem seu desempenho nos estudos, fazendo com que eles aprendam mais e cada um dentro do seu próprio ritmo.

Outro diferencial dos cursos, é que o LMS da SuperGeeks possui Inteligência Artificial, machine learning (aprendizagem de máquina), que permite predizer o comportamento dos alunos durante os estudos, por meio da amostra e extração de dados e gráficos.  Sendo assim, é possível checar se o aluno estudou em full screen ou se diminuiu a tela e ficou trocando de aba, em quantos segundos ele leu uma página, se grifou um parágrafo ou não, quais suas maiores dificuldades e qual será a performance dele dali pra frente.

Além disso, todos os cursos contam com metodologia de gamification (mecanismos de jogos) e game-learning (aprender por meio de jogos), e a SuperGeeks é conhecida por ensinar com softwares e linguagens profissionais.

Serviços Educacionais: um dos setores menos atingidos pela pandemia

Segundo estudo da ABF (Associação Brasileira de Franchising) e da empresa de pesquisas AGP, um dos setores menos afetados pela pandemia da Covid-19 e que registrou menos queda de faturamento, foi o de Serviços Educacionais. Em junho, assim como em pesquisa anterior, o setor apresentou queda menor de 23%. Os estudos da ABF e AGP indicam que essa trajetória tende a se manter nos próximos meses.

O levantamento também avaliou o mercado de franquias como um todo e no mesmo mês (junho) a queda média no faturamento das redes foi de 30,1%, significativamente menor do que os 41% em maio e 48,2% em abril. Enquanto diversas empresas fecham ou veem uma queda considerável em seus faturamentos, o mercado de franquias vai na contramão. 

Aprender Ciência da Computação logo cedo se faz cada vez mais necessário

O panorama do mercado atual de Tecnologia da Informação, mais conhecido como TI, é simples: sobram vagas de trabalho devido à falta de qualificação profissional. Entre janeiro e setembro do ano passado, foram abertas 8.049 vagas de TI no Brasil, enquanto no mesmo período deste ano o total de vagas disponíveis saltou para 12.682, um aumento de 63%, de acordo com levantamento do Banco Nacional de Empregos (BNE).

“Precisamos preparar as crianças para demandas futuras e para que façam parte de uma massa digital qualificada e preparada. Isso porque a maioria das profissões e áreas, tais como medicina, biologia, segurança e administração, dependerão de bons conhecimentos em Ciência da Computação. Muitos empregos deixarão de existir e serão substituídos por máquinas”, conclui.

Estudo inédito feito com dados pelo Laboratório de Aprendizado de Máquina em Finanças e Organizações da Universidade de Brasília (UnB) mostrou que até 2026, 54% dos empregos formais do país poderão ser ocupados por robôs e programas de computador. A porcentagem representa cerca de 30 milhões de vagas. O trabalho, desenvolvido ao longo de 2018, avaliou uma lista de 2.602 profissões brasileiras.

Além disso, aprender a disciplina nos primeiros anos escolares, desenvolve habilidades como pensamento lógico, computacional e sistêmico, forma de pensar totalmente aguçada, trabalho em equipe, empreendedorismo, gerenciamento de projetos e resolução de problemas, ajuda a elevar a criatividade e autoestima, além de melhorar o nível de conhecimento na língua inglesa.

Ficha de investimento Microfranqueado Digital SuperGeeks

Investimento Inicial:  R$ 10 mil

Taxa de franquia:  R$ 3 mil (a depender da localidade)

Royalties: Isento

Fundo de marketing:  2%

Capital de giro: R$ 2.500,00

Lucratividade média:   40%

Ponto de Equilíbrio:  07 meses

Prazo de retorno:  1 ano

Tempo de contrato:  5 anos

Formulário para Cadastro de interesse na franquia:  https://SuperGeeks.Live

Mais informações sobre a SuperGeeks: http://supergeeks.com.br/

Comentários