Estudo realizado pela Studio D'Essences aponta que os segmentos que mais investem

A Studio D’Essences, empresa especializada em marketing olfativo com atuação nacional, realizou uma pesquisa em sua base de clientes para traçar a efetividade das campanhas de marketing olfativo e os segmentos que têm investido neste trunfo como forma de conquista de público.

De acordo com o estudo, o aumento de faturamento ocasionado pelas ações de marketing olfativo muda de acordo com cada setor. A variação no segmento alimentício é expressiva, uma vez que alcança crescimentos de aproximadamente 35%. Os outros setores como vestuário, decoração, construção civil e o varejo físico em geral alcançam uma média de 10% de aumento.

“O setor alimentício possui um retorno expressivo nas campanhas, pois o olfato está diretamente ligado ao sistema gustativo. Isso é perceptível quando passamos em frente a uma padaria e somos atraídos pelo aroma do pão fresco ou quando vamos ao cinema e somos induzidos a consumir pipoca pelo cheiro delicioso de manteiga”, afirma Rafael Nasser, sócio da Studio D’Essences.

Os Estados que estão no topo do ranking do estudo com maior investimento em marketing olfativo como uma ferramenta de atração do consumidor são: São Paulo, Rio de Janeiro e Distrito Federal. Além disso, os Estados nordestinos têm aumentado a cada ano o investimento nos aromas.

Os três segmentos que mais aplicam em marketing olfativo são:

• Vestuário: Nos últimos 10 anos, o investimento em marketing olfativo pelo setor alcançou um crescimento percentual constante de dois dígitos por ano.

• Construção Civil: empresas do setor perceberam que era necessário envolver os seus consumidores, atingindo todos os sentidos para que as pessoas se sentissem “em casa” na hora da compra do próprio imóvel.

• Cama, Mesa e Banho: empresas do ramo perceberam que era necessário resgatar memórias e sensações de conforto, fazendo com que o cliente passe mais tempo na loja e efetue a compra.

“As empresas de todos os segmentos estão utilizando o marketing olfativo como uma chance de se aproximar do consumidor, causando-lhes sensações positivas e consequentemente estreitando os laços com o público”, conclui Nasser.

Outro setor que tem acreditado no potencial dos aromas são shoppings centers que implementam este tipo de campanha, aromatizando os corredores com uma fragrância característica do próprio centro de compras, causando no consumidor uma sensação de conforto com objetivo de aumentar o tempo de permanência no local.
Share To:
Magpress

Falando de Varejo

O Falando de Varejo é o maior blog sobre o varejo brasileiro, no ar desde julho de 2008. Navegue por nosso site e conheça nossas dicas e artigos especiais. Quase 6 milhões de pessoas já passaram por aqui. Clique nos links abaixo para nos seguir também nas principais redes sociais.

Post A Comment: