ULTIMOS POSTS

sexta-feira, 11 de setembro de 2015

Falabella descarta lojas de departamento no País

CEO da empresa diz que foco está na bandeira de home centers Sodimac

O grupo chileno Falabella, um dos maiores varejistas da América do Sul, não pretende abrir lojas de departamento no Brasil nos próximos anos. Em entrevista exclusiva à NOVAREJO durante o World Retail Congress (WRC), que se encerra hoje em Roma, a empresa disse que o foco está nas lojas de materiais de construção.

“Neste ano abrimos nossa primeira loja Sodimac no Brasil e vemos potencial na expansão da marca. Não pensamos em levar a bandeira Falabella para o País por enquanto”, afirma o CEO da Falabella, Gonzalo Somoza. A empresa está no Brasil desde 2013, com a aquisição de uma participação majoritária na rede Dicico. Com a Sodimac, a Falabella apresenta um formato de home center com foco em decoração, móveis, utensílios para casa e serviços, enquanto a rede adquirida é especializada em materiais básicos e revestimentos.

A Sodimac pretende investir US$ 4,1 bilhões entre 2014 e 2017 na América Latina, sendo que 63% desse valor vai para a abertura de 157 lojas e 15 shopping centers nos países onde a empresa atua (Brasil, Chile, Argentina, Peru, Colômbia e Uruguai). “Sempre olhamos o mercado brasileiro, mas com visão de longo prazo”, diz Somoza.

Perguntado sobre a viabilidade do modelo tradicional de lojas de departamentos no Brasil, o executivo mostra que tem estudado o mercado. “Dificilmente entraríamos com uma loja full size, porque o Brasil tem características muito próprias. Mas, para detalhar quais seriam as mudanças, seria preciso construir a primeira loja no País”, comenta.

Fonte: Novarejo

Compartilhe nas redes sociais:
 
Copyright © 2008-2017 Falando de Varejo.