Disparadamente, roupa e calçado são escolhidos por 74,4% dos brasileiros que presentearão neste fim de ano, seguidos por bijuteria/perfumaria (11,5%) e celular (10,3); ampla maioria dos consumidores pagará à vista

As roupas e calçados são os preferidos de 74,4% dos consumidores brasileiros que vão presentear neste fim de ano. No ano passado, eram 77,3%. É o que aponta levantamento encomendado pela Associação Comercial de São Paulo ao Instituto Ipsos, que fez entrevistas em todas as regiões brasileiras entre os dias 14 e 30 de novembro.

Dos 74,4% de consumidores que comprarão roupas ou calçados, 74% disseram que o farão à vista e 26% a prazo.

Rogério Amato, presidente da ACSP e da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp), explica que menos gente vai presentear em 2014 porque mesmo nessa época do ano – em que se tem um aumento no poder de compra por conta do 13º salário – o consumidor prefere manter a cautela. “O aumento da moeda americana é um dos fatores que influencia na decisão dos brasileiros, já que boa parte dos produtos vem do exterior e eles são negociados em dólar. É uma resposta [do consumidor] aos altos preços no mercado”, afirma o dirigente.

Outros presentes

O segundo colocado na lista de presentes preferidos dos entrevistados são bijuterias/produtos de perfumaria, com 11,5% das intenções de compra – em 2013, eram 16%.

Celulares e smartphones aparecem em seguida com 10,3% da preferência, ante 8% de 2013.

Não saem da lista os tradicionais CDs, com 6,4% da preferência (há um ano eram 9,3%).

Os televisores aparecem com 5,1% das intenções, enquanto no ano passado era de 6,7% - nesse caso, a preferência pelo meio de pagamento será a prazo (71%).

Já 3,8% dos consumidores disseram que estão mais à vontade para dar de presente geladeiras, mesmo percentual dos que pretendem comprar livros.

Quem não apareceu na lista do ano passado e, neste ano, aparece com 1,3% das respostas é a linha de móveis. Saiu da lista o computador, que representava 1,3%.

A pesquisa é baseada em mil entrevistas domiciliares feitas em todas as regiões brasileiras por amostra probabilística com cota, representativa do eleitorado a respeito de sexo, idade, educação, PEA (População Economicamente Ativa), e região (PNAD e TSE).

Sobre a ACSP:

A Associação Comercial de São Paulo (ACSP), em seus 120 anos de história, é considerada a voz do empreendedor paulistano. A instituição atua diretamente na defesa da livre iniciativa e, ao longo de sua trajetória, esteve sempre ao lado da pequena e média empresa e dos profissionais liberais, contribuindo para o desenvolvimento do comércio, da indústria e da prestação de serviços. Além do seu prédio central, a ACSP dispõe de 15 Sedes Distritais, que mantêm os associados informados sobre assuntos do seu interesse, promovem palestras e buscam soluções para os problemas de cada região.
Share To:
Magpress

Falando de Varejo

O Falando de Varejo é o maior blog sobre o varejo brasileiro, no ar desde julho de 2008. Navegue por nosso site e conheça nossas dicas e artigos especiais. Quase 6 milhões de pessoas já passaram por aqui. Clique nos links abaixo para nos seguir também nas principais redes sociais.

Post A Comment: