Buscar

‘Google’ de preços do varejo será lançado amanhã em São Paulo

Com o nome de PesquiseJá, ele foi criado para monitorar, em tempo real, os preços de produtos alimentícios e de higiene em supermercados e outros estabelecimentos. A ideia é oferecer um serviço de comparação para o próprio varejo, além de indústria, atacado e setor transformador, como hotéis, restaurantes e bares. “Hoje no mercado, ninguém disponibiliza esse tipo de informação. As empresas têm de ligar para os fornecedores. Nosso cliente se cadastra e recebe uma identificação e senha para acessar as informações pelo site (www.pesquiseja.com.br)”, explica Fernando Menezes, sócio-proprietário da empresa.
O site de pesquisa oferecerá até 16 informações sobre os produtos, como preço, participação na gôndola, promoção e posicionamento de cestas de produtos. O cliente pode escolher no cadastro se quer acessar dados de cestas com 30 a 150 itens e também preços de marcas líderes, intermediárias ou de menor valor.

Menezes não divulgou o preço mensal pelo serviço, mas afirmou que o gasto retorna em economia. “Um restaurante por quilo pode economizar até R$ 1 mil por mês em compras de alimentos básicos, como arroz, feijão e legumes, sem gastar tempo pesquisando preços”, explica.

A empresa já tem uma equipe de 56 pesquisadores que colhem as informações todos os dias em 84 estabelecimentos da capital e Grande São Paulo. "Nosso plano de expansão para o ano que vem é cobrir estabelecimentos em Curitiba, Recife, Natal, Salvador, Fortaleza, Rio de Janeiro e Porto Alegre”, diz Menezes. Além disso, a partir de janeiro, o PesquiseJá irá oferecer o serviço via celular para maior comodidade dos clientes.

Fonte: Diário do Comércio - SP

Postar um comentário

0 Comentários