Buscar

Savegnago realiza campanha "Procedência de Qualidade" para conscientizar consumidor sobre a origem e garantia das carnes

Rede iniciou ação em maio despertando no consumidor a importância em adquirir produto com boa origem

Ter acesso à procedência dos produtos garante qualidade, segurança e principalmente transparência ao consumidor final. Mais importante que oferecer garantia de procedência aos clientes é o consumidor ter a consciência do quanto a origem do produto está fortemente ligada ao seu bem-estar.

Com 30 lojas espalhadas em todo o interior do estado de São Paulo, a rede Savegnago de Supermercados iniciou no mês de maio a campanha “Procedência de Qualidade” das carnes de todos os açougues das lojas. Além de assegurar ao consumidor a qualidade das carnes oferecidas, a campanha da Rede visa também despertar em seus clientes a importância em procurar saber a origem dos produtos consumidos e se passaram por um rigoroso controle de qualidade.


Os açougues da rede Savegnago são abastecidos por frigoríficos reconhecidos do país. Uma das exigências da rede para com seus fornecedores é que todas as normas estabelecidas pela ANVISA e demais órgãos como a vigilância sanitária devem ser atendidas como, por exemplo, o estado e a temperatura exigidos para manter a qualidade e o frescor dos produtos. Ao chegar às lojas, as carnes passam por um minucioso processo de higiene e controle de temperatura.

Mais de 600 mil pessoas passam por mês nos açougues das lojas Savegnago. Chalim Savegnago, superintendente da rede, enfatiza o quanto é necessário que o consumidor saiba que está levando para casa produtos que não comprometam a sua saúde. “Nossas carnes são recebidas e armazenadas com o maior rigor e cuidado possível. Assim, além de garantirmos a segurança alimentar de nossos clientes, fortalecemos uma relação de confiança e transparência com o consumidor”, afirma Chalim.

A importância de o consumidor saber a procedência dos produtos que está adquirindo é também uma preocupação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Além de fornecer informações sobre os riscos à saúde causados pelo consumo de alimentos sem fiscalização, o MAPA orienta a população sobre como evitar produtos irregulares – destacando a atenção na procedência do alimento como a principal dica – além do passo a passo da fiscalização e sobre as leis de fiscalização de produtos de origem animal. Todas as informações podem ser consultadas no site do Ministério.