quarta-feira, 12 de dezembro de 2018

Startup divulga perfil das transações do micro e pequeno varejista em 2018

A Hiper realizou uma pesquisa dentro de sua base de clientes, que já conta com mais de 14 mil comerciantes, para entender o faturamento do varejo em 2018

Micro e pequenos varejistas atendidos pela Hiper, startup que desenvolve soluções de gestão e vendas para o comércio, faturaram cerca de R$ 4 bilhões de reais em 2018. A empresa divulgou um levantamento de sua base de dados, que já conta com mais de 14 mil clientes, que realizaram 35 milhões de transações de janeiro até novembro. A Hiper está no mercado desde 2012, e no último ano cresceu mais de 60%.


Apenas em novembro deste ano, foram processadas pela empresa 4,5 milhões de transações, que geraram um faturamento de R$ 350 milhões de reais. Com os números foi constatado um crescimento do faturamento médio por cliente de 30% no último trimestre deste ano em relação ao período anterior.

“Avaliar as tendências e faturamento do micro e pequeno varejista nos ajuda a construir um panorama da realidade do comércio no Brasil, assim entendemos como nossa ferramenta interfere nesses resultados. O maior objetivo da Hiper é construir negócios mais felizes e deixar a vida do empreendedor mais fácil, nossa ferramenta permite que o comerciante detecte com velocidade pontos críticos do seu negócio, para poder fazer uma gestão automatizada e precisa”, comenta Tiago Vailati, CEO da Hiper.

Outro dado divulgado pela startup foi em relação aos meios de pagamento. No total, 33% das transações foram realizadas em débito ou crédito e 50% do valor movimentado foi em dinheiro.

Todos os dados foram captados através do Hiper Gestão, o principal produto da startup, que permite que o empreendedor controle todas as frentes de seu comércio, do estoque até o caixa. O software pode ser utilizado ainda para emissão de nota fiscal eletrônica e tem capacidade de atender diferentes segmentos, como lojas de roupa, lojas de eletrônicos, minimercados, entre outros. O grande diferencial é que o sistema foi desenvolvido para micro e pequenas empresas, além de ser híbrido — pode ser utilizado tanto online quanto offline, o que beneficia comerciantes de regiões mais remotas. Hoje a empresa cresce em ritmo acelerado: são 500 novos clientes por mês, chegando a 14 mil em 2018, e com crescimento de 60% no último ano. Em 2016 a startup recebeu aporte de R$ 4 milhões do fundo CVentures Primus.

Sobre a Hiper

A Hiper é uma startup de Brusque (SC) que atua desde 2012 desenvolvendo soluções nas áreas de gestão e vendas para o varejo. Por meio do Hiper Gestão, o micro e pequeno comerciante pode monitorar desde o estoque até a venda final, personalizando o software com os aplicativos da loja digital Hiper. A startup também desenvolve o Hiper Mini, pensado para quem está começando seu negócio como microempreendedor individual. O sistema está habilitado para atender o comércio como um todo, incluindo lojas de roupa, alimentos, variedades até estabelecimentos mais específicos e prestadores de serviço. A empresa conta com 14 mil clientes, conquistando em média 500 novos por mês.

Post Anterior
Próximo Post

0 comentários:

Não deixe de participar!
Qual sua opinião sobre o conteúdo acima?