terça-feira, 29 de maio de 2018

Taco Bell acelera expansão no Brasil com meta de 200 lojas em 2027

Rede e Grupo Sforza comemoram assinatura do primeiro contrato de máster franquia para o mercado brasileiro

Atualmente, Taco Bell conta com 20 unidades no estado de São Paulo Foto: Divulgação

O Taco Bell está dando continuidade ao seu plano de expansão global com a assinatura de seu primeiro contrato de máster franquia, com o objetivo de atingir receita de R$ 15 bilhões em 2022. Maior rede de restaurantes inspirada na culinária mexicana do mundo, o Taco Bell anunciou hoje a assinatura de um acordo com o grupo Sforza, do empresário Carlos Wizard, pelo qual o grupo se torna máster franqueado da marca no Brasil.


A perspectiva é que o Taco Bell alcance mais de 200 unidades no estado de São Paulo até 2027, o que tornará o Brasil um dos principais mercados de Taco Bell fora dos EUA. O acordo também permitirá a Sforza ser um dos maiores franqueados do Taco Bell Internacional em número de lojas.

"Estamos muito animados em assinar nosso primeiro contrato de máster franquia no Brasil para consolidar nossa liderança como maior rede de restaurantes inspirada na culinária mexicana em todo o mundo. Em apenas 15 meses, graças aos nossos fãs brasileiros, a Sforza abriu 20 unidades em São Paulo. Vamos trabalhar juntos para expandir o sucesso da marca no país", diz Fernando Claussen, vice-presidente e gerente geral do Taco Bell para a América Latina.

No último ano, o Taco Bell Internacional passou por uma rápida expansão, alcançando sete novos mercados em países como Austrália, China, Finlândia, Holanda, Escócia, Sri Lanka e Romênia, atingindo a marca de 400 restaurantes inaugurados nesse período.

Fora do mercado norte-americano, o Taco Bell conta hoje com mais de 400 unidades do Taco Bell em 27 países e tem a meta de atingir a mais mil restaurantes até 2022. Nos Estados Unidos, a marca e seus franqueados operam mais de 7 mil restaurantes. Nos próximos quatro anos, o Taco Bell Internacional planeja operar cerca de 9 mil restaurantes em todo o mundo, e deve atingir um valor de mercado de aproximadamente 15 bilhões de dólares.

“Nossa meta inicial era atingir 25 lojas próprias nos quatro primeiros anos de operação do Taco Bell no Brasil, mas alcançaremos esse resultado em apenas dois anos. Assim, a partir de agora vamos concentrar a expansão da rede no modelo de franquias”, afirma Lincoln Martins, CEO da Taco Bell Brasil. “O mercado de fastfood no Brasil tem um potencial muito grande e nós temos a expertise para alcançar esse objetivo”, reforça.

Controlado pelo empresário Carlos Wizard Martins, o grupo Sforza iniciou sua parceria com o Taco Bell International em 2016, quando foi aberta a primeira unidade da rede em São Paulo. Atualmente, o país já conta com 20 restaurantes, todos no estado de São Paulo. Além do Taco Bell Brasil, a Sforza também comanda no Brasil outras grandes marcas como Pizza Hut, KFC, Mundo Verde e Saucony, entre outras.

Sobre o Taco Bell

O Taco Bell é a maior rede californiana de restaurantes inspirada em comida mexicana do mundo, com aproximadamente 7 mil lojas em todo o planeta, sendo 6,5 mil nos EUA. Fundada por Glen Bell em 1962, o Taco Bell está no mercado há 56 anos. Seus principais produtos são tacos, burritos, nachos, quesadillas e uma série de outros produtos únicos que se diferenciam da concorrência. A rede serve mais de 40 milhões de clientes semanalmente.

Coop utiliza rádio indoor para manter clientes informados sobre situação de abastecimento

Com sistema de rádio e TV indoor gerenciado pela RDS Multimidia em suas 31 lojas, a Coop, maior cooperativa de consumo da América Latina, vem utilizando essas mídias para comunicar aos clientes sobre providências para garantir o abastecimento nas lojas.

A Coop, que já utiliza esses meios na comunicação de ofertas e oportunidades para seus clientes, tem tido nestas mídias um ponto de apoio importante durante a greve de caminhoneiros que vem afetando o abastecimento do comércio em todo o Brasil.


Para manter os consumidores informados sobre eventuais faltas de produtos e limitação de quantidade de itens por cliente, desde as primeiras horas da quinta-feira (24), os locutores iniciaram a transmissãode avisos, ao vivo, em intervalos de 10 minutos ao longo de todo o período de funcionamento das 31 lojas da rede, garantindo assim o pleno direito à informação a todos os clientes.

"A greve dos caminhoneiro levou as redes varejistas a tomarem algumas providências para garantir o abastecimento dos clientes, entre elas, limitar a quantidade de produtos para cada um, até que as entregas sejam normalizadas. Em um momento como este, contar com o serviço de rádio indoor e locução ao vivo nas lojas, tem sido importante para informar e, ao mesmo tempo, tranquilizar nosso público quanto ao abastecimento", declarou o diretor Comercial, Gustavo Maldi Ramos.

A RDS Multimídia, líder brasileira na oferta de soluções de mídia indoor e responsável pelo gerenciamento e transmissão sob demanda do conteúdo das lojas da Coop, tem produzido materiais para a rádio e tv indoor, além de realizar locuções em temo real diretamente do estúdio localizado em São Paulo, com envio via satélite para todas as lojas.

Você sabe calcular corretamente o preço que coloca em seus produtos?

Sabe dizer se, neste exato momento, o preço dos seus produtos está correto? Pense bem: eles cobrem os custos de aquisição, de movimentação e distribuição, bem como os encargos e ainda garantem uma margem de lucro? Para chegar a esse valor, é necessário, antes, entender o conceito que ajuda a formar o preço de venda, ou seja, o markup.

O markup é usado para a formação do preço de venda, sempre aplicado sobre o custo dos produtos. Basicamente, depois de identificar o custo da unidade, soma-se uma margem de lucro. Nessa conta, é preciso lembrar de incluir as despesas, os impostos e todos os demais encargos que incidem na venda.

O índice pode ser usado para definir os preços dos produtos de forma individual ou genérica, dependendo das necessidades e estratégias do negócio. É o caso de alguns itens que têm valor mais baixo (com o lucro menor) para garantir um volume de vendas maior e aumentar a competitividade. Por outro lado, existem mercadorias que podem permitir uma margem de lucro maior e, consequentemente, um valor mais elevado.

Não é possível determinar o índice ideal de markup, visto que ele varia entre os mercados em que as empresas atuam, podendo oscilar até mesmo de negócio para negócio. Para encontrá-lo é preciso relacionar as despesas fixas e variáveis, os custos operacionais, impostos, encargos e qualquer outro gasto da organização com as atividades. Dependendo do lucro esperado, é possível encontrar mais de um markup para o mesmo item.

Independentemente do ramo de atuação e dos produtos e serviços oferecidos, a lógica é uma só: o preço passado para os clientes deve cobrir os gastos e ainda proporcionar lucro. Mas, apesar disso ser do conhecimento de muitos gestores, a falta de planejamento e definição de estratégias podem significar perda da lucratividade ou, até mesmo, em casos mais extremos, gerar prejuízos financeiros. Isso quer dizer que não basta apenas levantar os custos e definir o lucro. Também é preciso identificar o público, conhecer a percepção de valor (que é diferente de preço) que os consumidores têm dos produtos, bem como analisar o volume de vendas e o market share.

Além da importância geral para os resultados, vale lembrar que a precificação também está intimamente relacionada aos clientes, sendo um dos principais aspectos considerados na decisão de compra. Esse fator se torna ainda mais relevante quando o nicho é bastante competitivo, com vários concorrentes.

Nesse contexto, para cobrar mais caro, é preciso apresentar algum valor que agregue um diferencial — e ainda se certificar que ele é compatível com o público. Por outro lado, preços muito baixos podem gerar prejuízos, por não cobrirem todos os custos relacionados à venda.

Entender o markup é a melhor forma de conseguir precificar as mercadorias e garantir um bom retorno financeiro com as vendas, assim como aplicar um preço justo para os clientes, o que torna ainda mais sadia a competitividade do negócio.

Artigo por Vinicius Guimarães, coordenador de marketing e inside sales da Tray, unidade de e-commerce da Locaweb

Vinicius Guimarães, da Tray

Flyworld abre nova unidade em Higienópolis-SP

Rede passa a contar com 46 unidades em todo o país

O bairro de Higienópolis, em São Paulo (capital), acaba de ganhar uma nova unidade da rede de microfranquias de viagens Flyworld. A unidade comercializa viagens nacionais, internacionais, passagens aéreas, além de cruzeiros marítimos, intercâmbio, hotéis e locações, além de oferecer assessoria para vistos consulares, compra de moedas estrangeiras e venda de pacotes personalizados.


Quem está à frente do negócio é o engenheiro Frederico Estevão Barra, que viu no setor de franchising uma oportunidade de driblar o desemprego. “Estive um período fora do mercado de trabalho e, depois de um período trabalhando como freelance de fotografia, surgiu a ideia de investir em um negócio próprio. Há alguns meses, passei a buscar informações sobre franquias até que conheci a proposta da Flyworld”, explica.

O empresário explica que a escolha por uma agência de turismo para o investimento deve-se à afinidade pessoal com o segmento. “Gosto muito de viajar e uma das minhas atividades preferidas é fazer a pesquisa por passagem, hotel e passeios. Sempre me identifiquei muito com o setor de turismo e, sendo assim, porque não unir o útil ao agradável”, questiona.

Além disso, as condições apresentadas pela rede Flyworld chamaram atenção do empreendedor. “Comparei a proposta da rede com a de outras agências e me agradaram muito o modelo de negócios e os valores. Os custos são relativamente baixos por ser uma franquia e existe, ainda, a possibilidade de trabalhar home office”, diz.

Este último quesito se tornou, inclusive, um diferencial na vida do empresário. “Trabalhar home office significa não ter despesas com ponto comercial, com pessoal e ainda oferece comodidade. Hoje, consigo administrar melhor o meu tempo e ainda não preciso enfrentar o trânsito de São Paulo. Isso teve um peso forte na minha decisão”, enfatiza.

Antes de assinar o contrato, Barra fez contato com outros franqueados que contaram suas experiências com a rede Flyworld. “Procurei ouvir a opinião de outros franqueados, principalmente, no que se refere ao suporte oferecido pela franqueadora. Todos eles foram unânimes em afirmar que a empresa dá todo o suporte necessário, esclarecendo dúvidas e auxiliando que os novos franqueados obtenham sucesso em suas jornadas”.

O empresário, que passa por um treinamento oferecido pela franqueadora em Campinas, mostra-se bastante otimista sobre o futuro do negócio. “Acredito que em menos de um ano conseguirei recuperar o valor investido, conquistando muitos clientes”, finaliza.

Informações sobre a agência (11) 94052-6260 ou loja.higienopolis@flyworld.com.br.

Sobre a Flyworld

A Flyworld é uma rede de franquias de agência de viagens que tem como objetivo oferecer aos franqueados condições especiais e serviços especializados na área para que esses atinjam o sucesso empresarial. Com mais de 46 unidades espalhadas por todo Brasil, a Flyworld é fruto de mais de 30 anos de expertise na área de turismo, na comercialização de viagens nacionais, internacionais, passagens aéreas, cruzeiros marítimos, intercâmbio, hotéis e locações. É também especialista em assessoria para vistos consulares, assessoria para passaportes e vendas pacotes.

Uruguai tem classificação histórica pela Standard & Poors

A classificadora de risco sobe nota do país para BBB/A-2 e o mantém como confiável para recebimento de investimentos do capital estrangeiro

O Uruguai recebeu com satisfação essa semana o anúncio da agência de classificação de risco Standard & Poors (S & P), a confirmação da nota BBB (um nível acima do grau de investimento mínimo) e perspectiva país "estável ", com a maior classificação histórica do país.


Segundo, a terceira maior classificadora de risco país do mundo, o Uruguai fez progressos consideráveis ​​na dissociação de sua economia e parceiros comerciais regionais, e afirmam a nota de crédito soberano no Uruguai em 'BBB / A-2'. Confira no link: http://deuda.mef.gub.uy/innovaportal/file/24396/1/syp_report_ratingsdirect_research.pdf

Diz ainda que a perspectiva permanece estável, refletindo a visão do governo soberano num crescimento sustentado e equilibrado e a sólida posição externa da economia, apesar dos déficits de GG ainda elevados e dos níveis de dolarização.

A classificação da nota foi fundamentada e apoiada pelo histórico de implementação de políticas prudentes e previsíveis do vizinho, além de suas instituições bem estabelecidas, que sustentaram um crescimento econômico consistente nos últimos 15 anos. Os ratings também se beneficiam da forte posição externa do Uruguai.

Histórico econômico

O Uruguai vem se destacando pela forte estabilidade econômica, jurídica e social. Há mais de 15 anos crescendo ininterruptamente, o país vem ganhando força e destaque internacional nos mais diversos seguimentos, atualmente é considerado por Moody’s, Standard & Poor´s, Fitch Raitings e DBRS (principais agências classificadoras de risco) um país de elevado grau de investimento. O Uruguai tem uma política que oferece vantagens e oportunidades únicas altamente estruturadas para recebimento do capital estrangeiro. Os pacotes de incentivos, facilidades para fazer negócios, a liderança em tecnologia e logística moderna foram pontos chaves para que o elegessem sede do ChinaLAC no ano passado e muitos outros eventos que ocorrerão no decorrer de 2018.

Iguatemi abre nova oportunidade para participação no Pitch

Primeira empresa do setor a lançar projeto de inovação deseja agora captar e conhecer marcas de todo o Brasil

Lançado em outubro de 2017, o Pitch, projeto de inovação e captação de insights para o negócio da Iguatemi Empresa de Shopping Centers, se prepara para receber uma nova onda de inscrições, desta vez focada em operações para a área de Mix e Varejo, área responsável pela curadoria de lojas dos shopping centers do grupo.


A primeira etapa do Pitch contou com mais de 85 start-ups de diversos segmentos inscritas e 22 apresentações realizadas. Pensando no alto potencial de novidades no mercado, a companhia deseja expandir o programa para conhecer novas marcas nos segmentos de: vestuário, calçados, acessórios, cosméticos, objetos decoração, eletrônicos, puericultura, brinquedos, entre outras categorias.

"Não estamos trabalhando com nenhuma restrição ou tipo de segmento. Queremos conhecer o maior número possível de marcas de todo o Brasil, de todos os portes e estilos, a fim de trazer ainda mais novidades para os nossos clientes", conta Cristina Betts, vice-presidente de finanças e RI da companhia.

Para participar, basta entrar no site http://www.iguatemipitch.com.br/, selecionar a opção "marca", concluir a inscrição e aguardar a seleção.

segunda-feira, 28 de maio de 2018

A incrível loja da LEGO em Leicester Square em Londres



A incrível loja da LEGO em Leicester Square em Londres. É possível até mesmo fazer um retrato seu usando peças de LEGO!

Inscreva-se no https://www.youtube.com/falandodevarejo

Um grande abraço e boas vendas

Caio Camargo | @falandodevarejo

Disney Store com incrivel experiência de customização



Olha que bacana essa experiência de customização na Disney Store de Londres

Inscreva-se no canal: https://www.youtube.com/falandodevarejo

Um grande abraço e boas vendas

Caio Camargo | @falandodevarejo

We Built this City: Uma incrível loja de souvenirs!


Você nunca viu uma loja de souvenirs, as populares "lembrancinhas" tão incrível como esta loja de Londres, a "We Built this City". Quer saber mais, confere aqui!


Um grande abraço e boas vendas

Caio Camargo | @falandodevarejo

Incrível experiência em realidade aumentada na Zara


Missão Londres 2018! Confira essa incrível experiência em realidade aumentada da Zara, que flagrei na Oxford Street


Um grande abraço e boas vendas

Caio Camargo | @falandodevarejo

Conheça as soluções e inovações que as Pernambucanas está aplicando em suas lojas


Veja como a Pernambucanas está transformando a experiência de seus consumidores, através de novas inovações e soluções de integração digital

Inscreva-se em nosso canal no https://www.youtube.com/falandodevarejo

Um grande abraço e boas vendas

Caio Camargo | @falandodevarejo

Lab-It: Conheça esse revolucionário conceito de inovação para as empresas



Lab-It é um conceito transformador a ser aplicadonas empresas, trazendo o mindset e a cultura de inovação das startups para o mundo do varejo

Conheça como funciona no vídeo.

Inscreva-se em nosso canal no https://www.youtube.com/falandodevarejo

Um grande abraço e boas vendas

Caio Camargo | @falandodevarejo

Pier X: Conheça essa incrível experiência Omnicanal, em Porto Alegre



Confira este fantástico espaço de experiências localizado no Shoppíng Iguatemi, em Porto Alegre (RS).


Inscreva-se em nosso canal no https://www.youtube.com/falandodevarejo

Um grande abraço e boas vendas,

Caio Camargo | @falandodevarejo

Bossa Nova investe na SmartHint

A Bossa Nova Investimentos, maior investidora de venture capital brasileira em número de startups, que atualmente possui 340 empresas em seu portfólio, continua a todo o vapor selecionando empresas para fomentar. A escolhida da vez é a SmartHint, startup curitibana que atua com foco em aumentar a taxa de conversão no varejo de pequeno e médio porte.

João Kepler, da Bossanova Invest
Presente em cinco países da América do Sul, a SmartHint é um sistema SaaS (Software as a Service) de recomendação inteligente de produtos e retenção de clientes.

Segundo João Kepler, partner da Bossa Nova Investimentos, a expectativa da empresa e chegar ao final de 2018 com 450 startups investidas. “Temos muito interesse em auxiliar empesas que estão ampliando os horizontes para novos mercados e assim contribuindo para o ecossistema”, explica.

No Brasil é frequente uma pessoa entrar em uma loja virtual procurar por um produto desejado, não encontrar e sair do site sem comprar nada. Os números mostram a realidade desse fato, a baixa taxa de conversão de vendas pelo e-commerce chega a 1,65% ou seja, para cada 1.000 visitas apenas 16 pedidos são realizados.

Criada em 2017, a SmartHint foi objetivada para ser uma solução de aumento de vendas para o comércio eletrônico. Através de vitrines inteligentes os produtos possivelmente desejados pelo cliente são recomendados na tela como um incentivo para que ele faça a compra.

O uso do sistema de inteligência artificial facilita o trabalho do lojista, pois a vitrine funciona de forma autônoma e automática aplicada de acordo com o perfil de navegação do consumidor dentro da loja virtual.

Além disso, para ser realmente inteligente, o sistema manipula as vitrines para se adequar ao público de cada lojista, por exemplo, algumas vendem produtos com maior valor agregado enquanto outras destacam o preço.

A ferramenta é um pacote de assinatura mensal recorrente e permite que o lojista ative o serviço no momento que desejar com apenas 1Click, sem ajuda de um programador.

O varejista tem como testar por sete dias grátis para conhecer a ferramenta e acompanhar os primeiros resultados antes de fazer a adesão ao plano recomendado para a loja.

Nos primeiros quatro meses do ano de 2018 a startup faturou 3 vezes mais do que o ano inteiro de 2017 e já conquistou 3.500 lojas ativas, esse crescimento aumenta em média 20% ao mês com uma previsão de alcançar 10.000 lojas virtuais ativas até o final do ano.

Atrium Shopping sorteia Renault Kwid Zero km em promoção de Dia dos Namorados

Até 17 de junho consumidores podem participar da promoção que dá direito a brindes e ao sorteio do automóvel zero 0 km

A promoção "Meus Dois Amores" lançada pelo Atrium Shopping, em Santo André, irá contemplar um consumidor com um automóvel Renault Kwid, modelo 2018, a ser sorteado no dia 19 de junho.


 mecânica é simples: a cada R$ 200,00 em compras, o cliente tem direito a um cupom para concorrer ao sorteio do carro e ainda leva de presente a deo colônia La Flore, da Davene, disponível em cinco fragrâncias. E mais, quem fizer as trocas de segunda a quinta-feira, ganha cupons em dobro. A ação é limitada a duas trocas por CPF.

A promoção faz parte da campanha unificada que teve início na temporada do Dia das Mães. “A adesão tem sido bastante positiva e além da premiação de valor, os clientes podem contar também com a promoção comprou-ganhou e com a variedade de opções de presentes para todos os estilos de Namorados”, afirma a gerente geral do Atrium Shopping, Vanessa Nery.

Promoção Meus Dois Amores / Dia dos Namorados:
Período: até 17 de junho
Balcão de trocas: Praça de Alimentação (trocas de segunda a quinta-feira valem cupons em dobro)
Prêmio: Renault Kwid 2018
Sorteio: 19 de junho às 15h
Apoio: Armando Veículos e Davene
Mais informações estão disponíveis no regulamento da promoção

Atrium Shopping

Rua Giovanni Battista Pirelli, 155 – Santo André – SP
Tel.: (11) 3135- 4500 - www.atriumshopping.com

Sobre o Atrium Shopping

O Atrium Shopping possui 86.701,71 m² de área construída, cinco pavimentos, dos quais dois de estacionamento e três de lojas. O centro de compras destaca-se pelas presenças do Poupatempo de Santo André; das maiores âncoras do varejo, como Cinemark (7 salas), Renner, Casas Bahia, Lojas Americanas, Marisa, Riachuelo, Ri Happy, Besni, Di Gaspi, Carrefour Express, Rock & Ribs e Preçolândia. Sua praça de alimentação possui 20 operações (McDonald's, Burger King, SuperGrill, entre outras) e 1.200 lugares. O Atrium Shopping foi inaugurado em 29 de outubro de 2013, e está implantado em um projeto multiuso na Rua Giovanni Battista Pirelli, uma das principais vias de Santo André. Visite: www.atriumshopping.com

Sobre a AD Shopping

A AD Shopping, maior administradora independente de shopping centers do País, está presente em todas as regiões brasileiras e no Uruguai. Seu portfólio é composto por empreendimentos de diversos formatos, localizados tanto em capitais quanto no interior. São 26 anos de experiência em planejamento, comercialização e gestão de shopping centers. Visite: www.adshopping.com.br.

domingo, 27 de maio de 2018

Estudo revela os trending topics do e-commerce brasileiro no primeiro trimestre de 2018

Segmento de moda foi o que mais cresceu em número de lojas abertas (148%) e em volume de transações (12%), representando 47% do total de transações realizadas na plataforma, seguido de saúde e beleza (12%) e casa e jardim (6%). Destaque para o segmento de viagem, com o ticket médio campeão de R$ 3.540

Dados foram extraídos da base de lojistas que utilizam a plataforma de serviços de comércio eletrônico da Nuvem Shop, hoje com mais de 18 mil lojas movimentando o mercado online


O mercado de e-commerce continua ganhando destaque na economia brasileira e deve crescer 12%, movimentando R$ 53,5 bilhões em 2018. As projeções são do relatório Webshoppers 37, divulgado pela Ebit. Mais de 60 milhões de consumidores farão compras online este ano, impulsionando o setor.

Para acompanhar as tendências desse segmento durante todo o ano, a Nuvem Shop, acaba de realizar um levantamento que destacou os números do comércio eletrônico referentes ao primeiro trimestre de 2018. Os dados levantados permitem avaliar os trending topics do setor entre janeiro e março de 2018 e analisar o desempenho cada nicho de mercado. Os resultados foram extraídos da base de lojistas que utilizam a plataforma de serviços de e-commerce da Nuvem Shop, que possui mais de 18 mil lojas movimentando o mercado online atualmente.

De acordo com José Abuchaem - Fundador e CMO da Nuvem Shop, o ano começa com o pé direito para o e-commerce no Brasil. “Observamos movimentos importantes com o aumento do número de empreendedores que comercializam seus produtos digitalmente e que aproveitam ao máximo a tecnologia para melhorar seus canais de vendas e a interação com seus clientes”, ressalta.

O levantamento da Nuvem Shop apontou um aumento de 107% no número de lojas virtuais criadas no primeiro trimestre de 2018, em comparação com o mesmo período de 2017. O segmento de moda foi o que mais cresceu em número de lojas abertas (148%), seguido de saúde e beleza (117%), alimentos e bebidas (194%) e eletrônicos e tecnologia (44%).

O nicho de moda segue na liderança na categoria volume de transações (12%), representando 47% do total de transações realizadas na plataforma no primeiro trimestre, seguido de saúde e beleza (12%) e casa e jardim (6%).

Ticket médio tem aumento significativo

O recorte do primeiro trimestre revelou ainda que houve um aumento no ticket médio em relação ao mesmo período do ano anterior, tanto nas vendas de desktops quanto de dispositivos móveis, num total de 48%. Os tickets médios dos segmentos de esportes (R$ 887), máquinas e equipamentos (R$ 535), eletrônicos e tecnologia (R$ 494) e antiguidades (R$ 487) estão entre os maiores de 2018. Destaque para o segmento de viagem, com o ticket médio campeão de R$ 3.540.

Dispositivos móveis já são responsáveis por 50% das compras

As transações realizadas via dispositivos móveis continuam ganhando importância no comércio eletrônico. No primeiro trimestre de 2018, cresceu o número de transações mobile (39%), assim como o volume de compras (67%), comparado ao mesmo período do ano anterior, aumentando a participação na receita dos lojistas virtuais.

O volume das compras via mobile representou 50% do total de transações, contra 40% no mesmo período de 2017, um crescimento de 10%. O levantamento apontou ainda que o percentual de receita dos lojistas virtuais decorrente das transações mobile cresceu 13%, passando de 30% em 2017 para 43% em 2018. No primeiro trimestre de 2018, o ticket médio de vendas via mobile foi de R$ 377.

No primeiro trimestre de 2018, o segmento de moda realizou o maior volume de negócios virtuais via dispositivos móveis em relação ao total do ano, com 53% das transações, seguido de saúde e beleza, com 12% e casa e jardim, com 3%.

Sobre a Nuvem Shop

A Nuvem Shop oferece uma solução tecnológica de e-commerce líder na América Latina. Sua plataforma de serviços de e-commerce foi desenvolvida para que micro, pequenas, médias e grandes empresas criem sua própria loja virtual autogerenciável e sem conhecimentos técnicos. Fundada em 2010, na Argentina, a companhia iniciou sua operação no Brasil em 2012, onde hoje concentra seus esforços de crescimento. Com mais de 18 mil lojas movimentando o mercado online, a Nuvem Shop conta com mais de 100 colaboradores, localizados principalmente nos escritórios de Buenos Aires e São Paulo.

sexta-feira, 25 de maio de 2018

José Galló autografa livro na 6ª Feira Brasileira do Varejo

Presidente da Lojas Renner faz sessão de autógrafos dia 30, logo após sua palestra na 6ª edição da FBV

O diretor presidente da Lojas Renner, José Galló, autografa no próximo dia 30, às 10h30, durante a 6ª edição da Feira Brasileira do Varejo, seu livro "O Poder do Encantamento", lançado pela editora Planeta Estratégia. A sessão acontece no estande do Sindilojas Porto Alegre, logo após sua palestra "Momento Econômico do Varejo", na Plenária do Congresso Brasileiro do Varejo. As inscrições para a 6ª edição da FBV e do Congresso Brasileiro do Varejo, podem ser realizadas diretamente no Centro de Eventos FIERGS (Av. Assis Brasil, 8787).


Sob a gestão de Galló, a Lojas Renner passou de uma rede de varejo de moda com oito lojas para uma corporação com mais de 500 operações. Entre os reconhecimentos conquistados, Galló foi agraciado pelo Valor Econômico com o título "Executivo de Valor" por sua atuação no setor de comércio nas últimas cinco edições do prêmio. Em 2016, segundo pesquisa da revista Época Negócios com presidentes das maiores empresas do país, Galló foi eleito "O Melhor CEO do Brasil". No "Latin America Executive Team Ranking", da Revista Institutional Investor, recebeu o título de melhor CEO do setor de varejo e consumo nas últimas quatro edições do evento.

Supermercados Pague Menos apresenta nova loja em Paulínia

Com previsão de inauguração para o final de segundo semestre de 2018, a Rede de Supermercados Pague Menos vai investir R$ 22 milhões na construção e implantação de sua segunda loja no município de Paulínia (SP). A nova unidade vai gerar 200 vagas de emprego diretas e 700 indiretas. O anúncio foi realizado esta semana, durante evento realizado no Hotel Vitória. Na ocasião estavam presentes os presidentes da varejista, Francisco Laerte Santichio e Antonio Luiz Santichio, o prefeito de Paulínia, Dixon Carvalho, e os secretários municipais Eduardo Berenguel (Habitação), Rui Rabelo (Desenvolvimento Econômico) e Vlamilson Vieira (Planejamento), além do empresário Noesio Ferro, investidor e parceiro da Rede.


Localizada no bairro João Aranha, a nova loja terá 7.000 m² de área total e 9.609 m² de área construída. O projeto contempla ainda o Mall+ com 16 lojas satélites, com disposição de 230 vagas de estacionamento.

Durante apresentação do projeto, o gerente de Desenvolvimento e Expansão, Demerson Oliveira, destacou que em um momento de recessão econômica, a empresa está muito satisfeita em investir mais uma vez na cidade de Paulínia e contribuir para a geração de centenas de empregos.

Para Noesio Ferro, este é um momento ímpar em sua trajetória profissional e sente-se muito agradecido pela parceria. “Quero agradecer o convite para ser mais um parceiro da empresa. É a primeira oportunidade de ter um relacionamento mais próximo com a prefeitura, uma vez que já temos duas lojas na cidade, gerando empregos diretos e indiretos para a população. Só tenho que agradecer tudo isso que esta acontecendo na minha vida”, destacou.

Já o prefeito Dixon Carvalho comemorou a notícia e garantiu que não poupará esforços para que a nova loja na cidade seja inaugurada o quanto antes. “Para nós, ficamos muito felizes com isso e estamos totalmente disponíveis para fazer todo o tipo de transposição de barreira para que o investimento aconteça de uma forma mais ráipda, porque nós queremos ver essa loja funcionando o mais breve possível”, afirmou.

Sobre o Pague Menos

Inaugurada em 1989, a Rede de Supermercados Pague Menos está entre as 10 maiores empresas supermercadistas do Estado de São Paulo, conforme ranking Abras. Atualmente possui 27 hoje lojas em funcionamento nas cidades de Americana, Araras, Artur Nogueira, Boituva, Campinas, Hortolândia, Indaiatuba, Limeira, Nova Odessa, Paulínia, Piracicaba, Santa Bárbara d'Oeste, Salto, São Pedro, Sumaré e Tietê. A empresa também possui um Auto Posto, um Centro Administrativo, Centro de Distribuição, uma Fábrica e um Frigorífico instalados em Nova Odessa. Com mais de 6 mil colaboradores, a empresa segue em constante expansão. A fórmula do bom atendimento somada aos produtos de qualidade e preços imbatíveis faz do Pague Menos sinônimo de qualidade, economia, comodidade, competência e variedade. Pague Menos: tudo que você precisa em um só lugar!

Incavoluntário recebe doações da Superprix, e você também pode ajudar!

Através do e-commerce da rede SuperPrix, INCAvoluntário recebe doações para pacientes em tratamento de câncer



Equipe SuperPrix e INCAvoluntário – iniciativa favorece pacientes em condições socioeconômicas desfavoráveis

O SuperPrix e o INCAvoluntário se uniram em prol dos pacientes em tratamento no Instituto Nacional de Câncer (INCA) e criaram o Bolsa Solidária – através do canal, graças a contribuição de clientes, centenas de pacientes recebem alimentos essenciais para continuar em casa o tratamento para o controle do câncer.

O INCAvoluntário distribui cerca de 850 bolsas de alimentos mensais para pacientes em condições socioeconômicas desfavoráveis, o que é fundamental para que o paciente mantenha uma dieta equilibrada em sua residência durante o tratamento, favorecendo sua recuperação.

- “É muito importante que as doações sejam recorrentes para continuarmos o trabalho de atender aos pacientes” – reforça Angélica Nasser, supervisora do INCAvoluntário.

A aposentada Edith Figueiredo, de 68 anos, é doadora assídua de bolsas através do site do SuperPrix: “Realizo a doação todo mês. Minha principal motivação foi a minha irmã, que tratava um câncer no Instituto, e através dela, pude acompanhar de perto a real situação dos pacientes, do quanto essa ajuda constante é necessária” – conta.

Outra consumidora, Kelly Frizero, cliente da rede, reforça a importância de cada um fazer a sua parte: “Devemos realizar as doações por acreditar que assim estamos ajudando a minimizar o momento difícil que os assistidos pelo INCAvoluntário estão passando. É também uma oportunidade que encontramos para poder ajudar as pessoas e fazer o bem a sociedade. Nos sentimos pessoas melhores” – afirma.

São quatro tipos de bolsas que variam de R$25 a R$110, e cada uma agrega vários tipos de produtos, conforme as orientações do INCAvoluntário. Os interessados devem acessar o portal https://www.superprix.com.br/variedades/bolsa-solidaria e escolher a cesta que achar mais adequada. Para estimular a doação, mais uma facilidade para os clientes: o frete é gratuito.

- “Muitas pessoas dizem que gostariam de ter mais tempo para poder fazer uma ação solidária, mais dinheiro para poder ajudar alguma instituição, então nossa ideia foi facilitar esse processo, colocando a disposição do cliente preços variados de Bolsas e a doação online com frete grátis. Esperamos que esta parceria com o INCAvoluntário cresça cada vez mais para ajudar muitas pessoas" – explica Cynthia Vale, gerente de marketing da rede Superprix.

Em 2017, foram doadas 287 bolsas solidárias através do site, totalizando mais de 3 mil alimentos (entre itens essenciais, como leite, arroz e feijão) encaminhados aos pacientes da Instituição.

Para quem quiser ir além da doação de alimentos, além desse canal, outras formas de doação são disponibilizadas pelo INCAvoluntário:

Doação de material

Entrar em contato com o INCAvoluntário pelo telefone (21) 3207-4585 ou email incavoluntario@inca.gov.br

Doação financeira

As doações financeiras devem ser feitas diretamente na conta do INCAvoluntário no Banco Brasil:

Agência: 3520-3
Conta corrente: 27254-X
Favorecido: INCAVOLUNTARIO
CNPJ: 22.853.317/0001-03

*Após o depósito, é importante encaminhar o comprovante juntamente com os dados (Nome, endereço e CPF) para o email incavoluntario@inca.gov.br para que possa ser providenciado o recibo de doação.

Para ser voluntário

Para realizar atividades junto aos pacientes, é necessário se tornar voluntário do Instituto por meio de um processo seletivo. Os candidatos devem ter os seguintes pré-requisitos:

- Ter disponibilidade de quatro horas fixas por semana (de segunda a sexta-feira), nós não trabalhamos a noite e nem finais de semana;
- Ser maior de 21 anos;
- Não ter tido câncer ou caso de câncer na família por no mínimo um ano;
- Profissionais da área da saúde não poderão atuar diretamente com os pacientes;
- Não exercer atividade religiosa, pois o INCA é uma instituição pública e, portanto, segue os princípios da filosofia laica, ou seja, a neutralidade em relação às religiões.

A inscrição é feita sempre às segundas-feiras pelo telefone 3207-4547. Nesse momento, é agendada uma reunião de seleção onde serão detalhadas todas as atividades que podem ser desenvolvidas no Instituto e feita uma entrevista com o candidato.

Para mais informações, acesse: www.inca.gov.br/incavoluntario ou curta as redes sociais do instituto no Facebook e Instagram @incavoluntario

Sodebo inicia venda na rede Pão de Açúcar da Pizza Oval

Com um incremento de 20% em vendas desde a introdução da linha PastaBox nos supermercados paulistas, a marca líder no mercado francês na categoria de produtos prontos refrigerados amplia as vendas no varejo brasileiro com sualinha de pizzas refrigeradas

A Sodebo, marca francesa de refeições prontas refrigeradas, inicia a comercialização da linha Pizza Oval nas lojas da rede Pão de Açúcar e Minuto Pão de Açúcar no estado de São Paulo. A marca, que já comercializava a sua linha PastaBox nas lojas da rede na capital paulista desde Janeiro de 2016, teve um incremento em vendas de 20%desde então, e espera um aumento ainda mais significativo nesses números comessa nova parceria. Em breve, a Sodebo prevê ampliar a distribuição dentro dessas lojas e entrar em outras bandeiras do grupo, um dos primeiros parceiros de distribuição da marca.



“Quando se trata da aceitação de um lançamento por uma das redes mais importantes do país, essa distribuição dá força para a marca e também para o conceito do produto, bem como gera confiança no consumidor, além de ser um sinal de queestamos no caminho certo. Essa presença trará aumento não apenas do sortimento nas lojas, mas também na visibilidade da marca e em nosso potencial de vendas, fortalecendo ainda mais nossa presença no país”, comenta Anne-Charlotte Gouraud, diretora de marketing e comunicação da Sodebo no Brasil.

Inicialmente, a linha Pizza Oval estará disponível nas lojas da rede Pão de Açúcar e Minuto Pão de Açúcar no estado de São Paulo nos sabores Mussarela, Quatro Queijos e Calabresa. Além do varejo, a Pizza Oval já é distribuída nos segmentos de cash and carry e no food service, como lanchonetes, hospitais, universidades, postos de gasolina, entre outros.

Como parte da estratégia de oferecer aos brasileiros uma nova experiência em alimentação, com refeições que aliam praticidade e sabor, a Sodebo lançou no país a Pizza Oval em setembro de 2017. Disponível em versões de 200g em seis sabores (Lombo com Requeijão, Pepperoni, Mussarela, Calabresa, Presunto e Queijo e Quatro Queijos), as pizzas possuem um formato exclusivo, pensado para facilitar o consumo com as mãos e ficam prontas em apenas oito minutos ao forno.

“Na França, a Pizza Oval representa um dos produtos de maior sucesso da Sodebo e continuamos acreditando neste mesmo potencial no Brasil. Isso porque, com essa linha aliamos a paixão dos brasileiros pela pizza com a necessidade de ter refeições que sejam fáceis e rápidas de preparar, que possam ser consumidas em qualquer local e, o mais importante, sejam produzidas com ingredientes de qualidade e no sabor que mais agrada os diferentes perfis de consumidores”, completa.

Com mais de 40 anos de atuação na França, a Sodebo iniciou suas operações no Brasil em setembro de 2015 com o lançamento da linha de massas frescas e prontas para o consumo, PastaBox, que inclui nove opções de sabores no Brasil: seis com macarrão Pipe Rigate (Frango, Funghi, Parisiense, Carbonara, Calabresa e Quatro Queijos) e três versões com Capeletti (Presunto com Molho Parmesão, Ricota com Espinafre e Molho Parmesão e Parmesão com Molho de Tomate). O produto tem uma embalagem em formato de caixa com um garfo incluso que pode ser levado diretamente ao micro-ondas. As refeições ficam prontas em dois minutos, sem adição de água ou de outros ingredientes. Em setembro do ano passado, a Sodebo lançou no país a Pizza Oval, disponível em versões de 200g em seis sabores (Lombo com Requeijão, Pepperoni, Mussarela, Calabresa, Presunto e Queijo e Quatro Queijos) e que ficam prontas em apenas oito minutos ao forno. Na França, a empresa possui também uma linha de produtos que inclui saladas, sanduíches, crepes, entre outros.

Sobre a Sodebo no Brasil

Fundada em 1973, na cidade de St-Georges-de-Montaigu, na França, a Sodebo (Société Des Établissements Bougro) é hoje a marca líder no mercado francês de refeiçõesprontas refrigeradas. Seu sucesso está diretamente ligado ao espírito visionário e inovador dos seus fundadores, cuja família se mantêm no controle da empresa, e à capacidade de se antecipar às demandas da sociedade e criarprodutos que se adaptam ao seu novo estilo de vida. Atualmente, a Sodebo conta com uma extensa linha de produtos refrigerados na França, que inclui pizzas, saladas, sanduíches, crepes, PastaBox, entre outros, os quais têm em comum a preocupação com a qualidade dos ingredientes e o sabor de comida feita na hora, associada à rapidez e facilidade de consumo. A empresa iniciou as operações no Brasil, que é o primeiro mercado internacional da marca, em setembro de 2015, sob o comando de Anne-Charlotte Gouraud, que faz parte da terceira geração de fundadores da Sodebo. Para saber mais, acesse www.sodebo.com/br. Siga também a Sodebo nas redes sociais: https://www.facebook.com/SodeboBrasil e https://instagram.com/sodebo_br/.

GDPR: Transformar e inovar começa por cada um de nós

Mais equilíbrio e transparência na utilização dos dados

A governança da segurança da informação é um fator primordial não só para preservar os dados, mas envolve diretamente responsabilidades legais, gestão, qualidade, preservação das informações no ambiente organizacional, continuidade do negócio e, também, nossa vida pessoal.

Com a implementação do GDPR na Europa, é importante esclarecer alguns aspectos ainda pouco explorados. Embora muitos artigos foquem nas penalidades, pouco se fala sobre como as empresas podem se preparar utilizando boas práticas de governança de dados, de forma que as penalidades sejam evitadas. Precisamos difundir muito mais os reais benefícios, afinal não podemos mais atuar nos ambientes digitais sem os devidos cuidados, controles e garantias de privacidade para as instituições e pessoas físicas.


A GDPR é o início da uniformização, higienização de dados, padronização da Educação Digital, tema fundamental para a continuidade do crescimento e evolução digital.

Mas em que consiste o General Data Protection Regulation, GDPR? É uma regulamentação de proteção de dados, que tem por objetivo proteger todos os cidadãos da União Europeia de violações de privacidade em um mundo cada vez mais conectado, interligado e com um volume de dados crescente a cada ano.

Essa regulamentação é a mudança mais importante relacionada à privacidade de dados nos últimos 20 anos, uma vez que a última diretiva relacionada ao assunto foi estabelecida em 24 de outubro de 1995 pelo Parlamento Europeu com o nome de Diretiva 95/46/CE.

Apesar do princípio fundamental de privacidade dos dados dos cidadãos da União Europeia ser preservado por meio dessa diretiva, foram consideradas diversas mudanças, considerando penalidades perante as organizações que não respeitaram as novas regras.

A GDPR foi aprovada em 14 de abril de 2016 pelo Parlamento da União Europeia, sendo que começam hoje as penalidades a todos os estados membros da UE (Alemanha, Áustria, Bélgica, Bulgária, Chipre, Croácia, Dinamarca, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Irlanda, Itália, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Holanda, Polônia, Portugal).

O escopo da regulamentação aplica-se tanto ao controlador dos dados quanto aos processadores. O controlador é qualquer organização que coleta dados e o processador é qualquer organização que processe os dados em nome do controlador.

O que são os dados pessoais, de acordo com a GDPR?

Segundo a regulamentação GDPR, dados pessoais são informações relacionadas a uma pessoa que possam ser usadas para identificá-la - direta ou indiretamente. Pode ser um nome, foto, endereço de e-mail, dados bancários, postagem em sites de redes sociais, informações médicas, dados de GPS, cookies ou até mesmo um simples endereço IP do computador.

A regulamentação GDPR informa que as organizações que processam e controlam dados de pessoas residentes da União Europeia só poderão utilizá-los com o consentimento do mesmo. Além disso, o consentimento deverá ser pedido de forma inteligível, facilmente acessível, usando linguagem clara e simples. Usuários menores de 16 anos só poderão ter seus dados processados com o consentimento dos pais ou responsáveis. Já crianças menores de 13 anos não poderão ter seus dados processados e controlados.

Assim, o usuário é o real proprietário de seus dados pessoais e terá o direito de ter o conhecimento sobre as informações por ele concedidas ao controlador dos dados: quais dados estão sendo processados, quem está processando as informações e qual finalidade. O controlador dos dados deverá disponibilizar uma cópia, de forma gratuita, em formato eletrônico, caso o usuário solicite.

O usuário também terá o direito de realizar a portabilidade dos dados de uma controladora para outra, ou até mesmo ter um “backup” dos seus dados. O direito ao esquecimento também é um ponto importante da GDPR, uma vez que o usuário terá o direito de solicitar ao controlador que apague seus dados pessoais e interrompa a disseminação dos mesmos.

Qualquer violação de dados pessoais que resulte em risco para os direitos e liberdades dos indivíduos residentes da União Europeia deverá ser notificada pelo controlador dos dados em um prazo de até 72 horas, após ter tomado conhecimento da violação.

Qualquer pessoa que tenha sofrido danos por processamento ilegal de seus dados terá direito a receber uma indenização, desde que esteja inserido nos parâmetros da regulamentação da GDPR.

12 principais desafios das organizações

A organização ICO.ORG.UK considera 12 desafios das organizações referentes ao GDPR.

Treinamento

As organizações deverão garantir que as pessoas mais estratégicas da organização tenham ciência das mudanças provocadas pelo GDPR, além da consciência do possível impacto financeiro para a organização em caso de descumprimento da regulamentação.

Informações Armazenadas

As organizações deverão documentar quais são os dados dos usuários armazenados, como eles serão armazenados, como é realizada a cadeia de tratamento das informações por meio da organização, dando a possibilidade ao usuário de apagar, transferir ou cancelar a custódia dos dados, a qualquer momento, tendo a possibilidade dessas ações serem auditadas.

Direitos Individuais

A cobertura de todos os direitos individuais dos usuários deverá ser garantida pelas corporações. O cidadão terá direito de solicitar que as empresas deletem, transfiram e apaguem seus dados eletronicamente. Em caso de descumprimento desses direitos, o usuário terá aporte jurídico baseado na regulamentação GDPR.

Requisições de Acesso

As organizações deverão atualizar os procedimentos internos de forma a lidar com as requisições dos usuários, garantindo a proteção e privacidade dos dados dentro de um acordo de nível de serviço.

Base Legal para processamento de dados

As organizações deverão identificar as bases jurídicas para justificar o processamento dentro do GDPR.

Consentimento

As organizações deverão revisar o gerenciamento de concessões das informações dos usuários e atualizar os consensos, caso esses não estejam dentro das regras de compliance da GDPR.

Menores de Idade

As organizações deverão organizar seus sistemas e processos internos de forma a validar a verificação etária de todos os usuários, garantir o consentimento dos pais ou responsáveis, em caso de crianças menores de 16 anos.

Vazamento de dados

A organizações deverão se certificar de que detenham os procedimentos internos corretos para detectar, denunciar, reportar e investigar violações de dados pessoais dos usuários.

Proteção por Design e Protection Impact Assessment [Pia´s]

As organizações deverão estar familiarizadas com os PIA´s de forma a realizá-los nas situações de novos projetos, sistemas, equipamentos e qualquer alteração que envolva dados pessoais, tornando essa necessidade obrigatória para garantir compliance com a GDPR.

Data Protection Officers [DPO]

As organizações terão que nomear um DPO que irá assumir a responsabilidade pela área de proteção e privacidade dos dados da organização. O desafio do DPO irá desde o treinamento da organização até a remodelagem de processos, produtos, serviços e equipamentos, para que estejam de acordo com as normas da GDPR.

Extensão Internacional

Se a organização opera em mais de um país membro da União Europeia, essa deverá determinar qual autoridade (DPA) irá supervisionar a proteção de dados, além de detectar quais países fora da UE manipulam dados de usuários residentes no continente europeu para torná-los aderentes às regras da regulamentação GDPR.

Comunicados de Privacidade

A política de notificação de privacidade das organizações deverá ser revista. Será necessário um plano referente às mudanças de notificações de concessão dos dados do usuário, que terá o controle de quais dados estão sendo utilizados.

O Brasil

O País ainda não possui uma legislação do tipo GDPR, porém está em andamento no Congresso Nacional um projeto de legislação de Proteção de Dados Pessoais, inspirado na GDPR e que será um grande avanço para todos nós. Pensando no mercado, no negócio das nossas organizações que vendem produtos e realizam serviços para todos os países, seguir a GDPR é uma decisão estratégica de negócio.

Se a sua organização ainda não tiver controles adequados para atender à nova lei, minha sugestão é que ela deva se programar e definir etapas. A primeira delas é implementar ou aprimorar o processo organizacional de segurança da informação.

Com base no exposto acima, qualquer empresa brasileira poderá estar sujeita à jurisdição prescrita pela regulação, caso ofereça seus serviços e produtos diretamente para o mercado de membros da União Europeia. Recomendamos, neste caso, um estudo mais profundo sobre as regras, limites e obrigações impostas pela norma, em face do dever de conformidade.

Artigo por Longinus Timochenco, diretor de Cyber Defense da Stefanini Rafael na América Latina

CDL Porto Alegre participa da Feira Brasileira do Varejo

Pelo terceiro ano consecutivo, a Câmara de Dirigentes Lojistas de Porto Alegre (CDL POA) participará da Feira Brasileira do Varejo (FBV), que ocorre de 28 a 30 de maio, das 9h às 20h, no Centro de Eventos a Fiergs, na Capital.



Durante os três dias de evento, no estande 51, a entidade irá tirar as dúvidas sobre as soluções e produtos para a gestão de todo o ciclo do negócio e mostrará as novidades para auxiliar seus associados na gestão e no fomento da empresa. Além disso, dentro do roteiro de palestras da feira, no dia 29 de maio, a partir das 16h 30 min, será realizada a palestra “O crédito e o risco no panorama atual”, com o gestor comercial da CDL POA, Paulo Borba. Maiores informações sobre o evento e os produtos da CDL POA em www.cdlpoa.com.br.

Como formar uma super equipe de vendas



Formar uma super equipe de vendas é um grande desafio, visto que todos os colaboradores devem estar motivados e comprometidos em atingir seus resultados individuais. Agora, confira algumas dicas para formar sua super equipe:

RECRUTAMENTO E SELEÇÃO
Você não precisa necessariamente contratar os melhores “currículos”, os candidatos mais qualificados. Eu, por exemplo, muitas vezes buscava candidatos sem experiência, mas com muita VONTADE.

PROCEDIMENTOS DE ATENDIMENTO
É incrível o fato das empresas não possuírem um procedimento de vendas. Um passo a passo que mostre o caminho para sua equipe atender bem o cliente e atingir suas metas. Criar procedimentos de vendas ajuda a desenvolver cada colaborador e cria uma cultura de atendimento na sua empresa.

FEEDBACKS CONSTANTES
Não basta apenas contratar e passar um treinamento com os procedimentos da empresa. É preciso monitorar e passar feedbacks constantes para cada colaborador da sua equipe. Isso vai desenvolvê-los e por fim vai ajudar cada colaborador a se auto avaliar onde precisa melhorar.

INDICADORES E ESTATÍSTICAS
O gestor não deve apenas acompanhar os números a cada mês. Mas a cada semana e a cada DIA. E deve observar, de forma individual, qual indicador cada vendedor deve aperfeiçoar para atingir melhores resultados.

TREINAMENTOS CONSTANTES
Com o tempo sua equipe pode cair na armadilha de trabalhar no “piloto automático”. Nós podemos esquecer o que não aplicamos em nosso dia a dia. Por isso são necessários treinamentos constantes, sempre visando a melhoria de algum indicador ou procedimento da empresa.

Grande abraço e boas vendas!

Edson Moura

Edson Moura Tem mais de uma década de experiência no varejo nacional e carreira desenvolvida em grandes empresas do país. Foi vendedor, gerente e supervisor de loja. Hoje atua como palestrante ajudando as empresas a terem mais vendas e lucros. Isso com uma equipe comprometida, motivada e acima de tudo, feliz. Também possui formação Practitioner em PNL e nível Master em Coaching. É Coordenador e coautor do livro LIBERTE SEU PODER e coautor do livro PRÁTICAS DE LIDERANÇA. www.edsonmoura.com 

quinta-feira, 24 de maio de 2018

Drogasil expande atuação e inaugura lojas pelo Estado de São Paulo

Consumidores encontram serviços únicos no varejo farmacêutico nestas novas filiais da empresa

A Drogasil, uma das maiores redes do varejo farmacêutico, avança na expansão de lojas pelo Brasil com inaugurações pelo Estado de São Paulo. São duas unidades na cidade, sendo elas nos bairros Pacaembu e Vila Pirajussara. E mais três no interior, localizadas em Campinas, Jundiaí e Caçapava. Todas seguem o padrão de excelência de atendimento, serviços e o mesmo sortimento de produtos de higiene, beleza e medicamentos presentes nas outras 835 filiais da rede, instaladas em 17 Estados.


"Ficamos felizes de expandir nossa presença por São Paulo. Acreditamos muito nestas novas lojas. Estamos trazendo para os moradores desses municípios o que há de melhor no varejo farmacêutico. Entendemos que é fundamental oferecer bom atendimento, preços competitivos, amplo estoque de medicamentos e a maior variedade de produtos de higiene e beleza para que o consumidor tenha sempre as melhores vantagens para manter sua saúde em dia", afirma Eugênio De Zagottis, vice-presidente de Planejamento e Relações com Investidores da empresa.

Na Drogasil, os consumidores encontram um ambiente diferenciado e uma equipe de especialistas pronta para cuidar da sua saúde, qualidade de vida e bem-estar. Além disso, a empresa oferece aos clientes:

Mais de 14 mil itens de higiene, beleza e medicamentos à disposição dos clientes em qualquer uma de nossas unidades;

  • Programa de fidelidade Drogasil e Você – cupons de ofertas personalizados, com o melhor preço em medicamentos e vantagens diárias para os clientes habituais da Drogasil;
  • Descontos e vantagens em planos de saúde, convênios e programas de laboratórios;
  • Possibilidade de efetuar a troca de produtos comprados pela internet (www.drogasil.com.br) nas lojas físicas;
  • Farmacêutico Drogasil – programa que visa a orientar, auxiliar e tirar dúvidas dos clientes sobre medicamentos e sua utilização, pelo telefone 3004-8007 ou por e-mail: farmaceutico@drogasil.com.br;
  • Drogasil Medicamentos Especiais – remédios de alta tecnologia para doenças graves ou raras, como câncer, artrite reumatoide, hepatite C, infertilidade, entre outros. O cliente compra na loja e recebe em casa com segurança e praticidade;
A Drogasil comercializa produtos de suas marcas próprias, de ótima qualidade com preços competitivos. São elas:

  • Caretech (linha de aparelhos de saúde)
  • Nutrigood (alimentos funcionais)
  • Needs (linha de higiene, beleza e vitaminas);
  • B-Well (multivitamínicos);
  • TRISS (acessórios de beleza, como pincéis e presilhas)

Com mais de 80 anos de tradição, a Drogasil faz parte da RD, maior empresa do varejo farmacêutico na América Latina, com mais de 1.610 unidades distribuídas em 21 Estados, gerando mais de 32 mil empregos em todo o país. Com essas inaugurações, a Drogasil dá continuidade a sua estratégia de consolidação em território nacional.

Serviços

Drogasil – SP Campo Limpo 4
Endereço: Estrada do Campo Limpo, números 5904, 5906 e 5916 - Bairro Pirajussara - São Paulo.
CEP: 05.787-000.

Drogasil – SP Pacaembu 1
Endereço: Avenida Pacaembu, 1.782 - Bairro Pacaembu - São Paulo.
CEP: 01.234-000

Drogasil – Caçapava 1
Endereço: Rua Coronel João Dias Guimarães, números 355 e 365 - Bairro Vila São João – Caçapava – SP.
CEP: 02.219-001.

Drogasil – CP Primavera 3
Endereço: Rua Jorge de Figueiredo Corrêa - Bairro Chácara Primavera – Campinas – SP.
CEP: 13.087-490.

Drogasil – Jundiaí 11
Endereço: Avenida Luiz José Sereno, S/N - Bairro Jardim Ermida II – Jundiaí – SP.
CEP: 13.212-210.

Sobre a Drogasil – Criada em 1935, a partir da fusão de duas pequenas redes de farmácias (Drogaria Bráulio e Drogaria Brasil), a Drogasil é uma das bandeiras da RD. Com mais de 835 lojas, atua nos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Espírito Santo, Goiás, Distrito Federal, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins, Paraíba, Alagoas, Sergipe, Bahia, Pernambuco, Ceará, Maranhão, Rio Grande do Norte e Piauí. www.drogasil.com.br

Brasil é o primeiro mercado da Coty a ter loja online própria

O canal conta com produtos de 14 consagradas marcas da divisão de consumo da empresa e visa aproximar cada vez mais a companhia e suas marcas aos consumidores brasileiros, com entrega em todo o território nacional

Focada em conquistar a liderança do mercado de beleza mundial, a Coty, que já é uma das maiores empresas do setor no Brasil (3º player de beleza no varejo), acaba de lançar o seu primeiro e-commerce próprio – na verdade, a primeira loja virtual da Coty no mundo. Acessada via endereço www.lojacoty.com.br, a plataforma voltada ao consumidor final e também a pequenos empreendedores (como manicures), disponibiliza os itens regulares de seu portfólio, kits presenteáveis e combos com ofertas especiais, todos com entrega em todo o Brasil.


Pioneira no projeto, a Coty Brasil comercializa virtualmente quatorze das suas mais de 25 marcas presentes no país, como as consagradas: Risqué, Bozzano, Monange, Koleston, Adidas, Cenoura & Bronze e Paixão. Até o final de 2018, objetiva-se oferecer todos os produtos da divisão de consumo comercializados pela Coty no Brasil na e-Store da companhia. Além disso, o projeto de e-commerce da empresa no Brasil engloba, também, a venda dos produtos da Coty em gigantes como o Mercado Livre e os sites da B2W (Americanas, Submarino e Shoptime), via marketplace.

Segundo Karen Sanchez, diretora de e-commerce da Coty Brasil, os consumidores de itens de beleza e cuidados pessoais agora têm essa prática opção para comprar produtos líderes do setor no mercado brasileiro, como os best sellers das conhecidas marcas da Coty comercializadas no Brasil.

“Na Coty, realmente acreditamos que o consumidor deve estar em primeiro lugar, de todas as formas possíveis - o que demonstramos com o envolvimento desse público no desenvolvimento e lançamento dos nossos produtos (por meio de participação em pesquisas e testes – cerca de 20 mil pessoas por ano contribuem com esses processos em nosso centro local de P&D). Naturalmente, percebemos a falta de um canal que colocasse a companhia ainda mais próxima das pessoas que consomem nossos produtos no dia a dia, especialmente em um país que exige tamanha capilaridade. E com nossa loja online, conseguimos proporcionar uma experiência de compra diferenciada, criando mais um ponto de conexão com nossos consumidores, unindo praticidade e segurança”, explica a executiva.

Um dos diferenciais é que lançamentos da empresa poderão ser encontrados em primeira mão na loja online. Além disso, o site conta com kits especiais, brindes e ofertas exclusivas. Confira o site e todos os produtos disponíveis em www.lojacoty.com.br

Sobre a Coty Inc.

A Coty é uma das maiores empresas de beleza do mundo, com aproximadamente US$9 bilhões de dólares em receita e cuja missão é celebrar a diversidade da beleza dos(as) consumidores(as). Sua forte herança empreendedora gerou um portfólio icônico de marcas líderes neste segmento. Atualmente, a Coty é líder global em fragrâncias, número dois no mercado de produtos profissionais para styling e coloração de cabelos, além de ser a terceira empresa do setor quando o assunto é "color cosmetics" (maquiagens e esmaltes).

Em âmbito global, a companhia opera com três divisões de negócios. Coty Consumer Beauty é a divisão focada em produtos para varejo nas categorias corporal, capilar e maquiagem, com marcas renomadas como COVERGIRL, Max Factor, Sally Hansen, Bourjois, Rimmel, Adidas entre várias outras. Coty Luxury atua no segmento de fragrâncias premium e de produtos voltados a cuidados com a pele – seu portfólio concentra famosas marcas, como Calvin Klein, Gucci, Burberry, Bottega Veneta, Marc Jacobs, Chloé, Hugo Boss , philosophy etc. Já a divisão Coty Professional Beauty é focada em uma ampla linha de marcas e produtos de uso profissional (cabelos e unhas) – entre as quais Wella Professionals, Sebastian Professional, OPI, Nioxin e ghd.

No mundo, a Coty tem hoje aproximadamente 20 mil colaboradores e seus produtos são vendidos em cerca de 150 países. Coty e suas marcas estão comprometidas com a questão da responsabilidade social corporativa, buscando também minimizar impactos ao meio ambiente.

Para mais informações sobre a Coty Inc., visite www.coty.com.

quarta-feira, 23 de maio de 2018

Mas, e A.I.?

Uau! Confesso que é difícil esconder o espanto cada vez que eu vejo uma nova notícia sobre alguma novidade que envolva Inteligência Artificial, a famosa IA, que aproveitei a sigla em inglês (A.I. – Artificial Intelligence), para criar a provocação deste texto.

Apresentado algumas semanas atrás em um evento como um dos grandes lançamentos da Google, a assistente pessoal agora de fato irá interagir com as pessoas e o mundo real. Precisa de uma mesa no restaurante, ou de uma hora no cabelereiro? A própria assistente (dito assim, pois, na maioria das vezes, o avatar de voz é feminino) liga para o local e negocia com a atendente sobre as opções até que seja acertado um horário ou outras questões de acordo com o solicitado por você.


Não vejo nada de errado nisso, muito pelo contrário. Veremos cada vez mais a inteligência artificial em nossas vidas. Talvez de uma maneira que a gente nem perceba. Pouca gente que entra na Internet em busca de algo tem ideia da quantidade e complexidade de algoritmos para não somente compilar, mas filtrar e apresentar resultados cada vez mais adaptados ao perfil do usuário. Tudo para entregar a resposta mais precisa no menor tempo possível. Parece que foi apenas um clique, algo simples, e é essa a sensação que está sendo buscada. É o que chamamos de “simplicidade sofisticada”.

A revolução digital nos trouxe uma outra dimensão sobre o volume de informações que temos a disposição ou pode ser gerado sobre o que o mundo hoje faz, compra, usa, busca, deseja e outra infinidade de novas probabilidades para se compreender ou entender cada vez mais sobre praticamente qualquer coisa. São os tempos da big data.

Porém, informação sem que se faça um extrato adequado, sem que se provoque as perguntas corretas, são como já diz o velho jargão, apenas um “bando de dados”. Extrair essa informação é um dos grandes desafios das empresas atualmente. E não é um problema apenas do Brasil. Faltam “mundialmente” bons analistas desse tipo de informações. Gente que consiga se debruçar no universo do analytics, cruzando indicadores antes improváveis e até mesmo impossíveis de serem corretamente mensurados, em busca de melhores respostas.

De maneira a tentar encurtar a distância entre a informação coletada e o insight que pode ser gerado, uma das mais importantes questões está justamente no avanço e da democratização da Inteligência Artificial. Uma das críticas que tenho feito atualmente é que a Inteligência Artificial ainda permanece nas mãos de algumas poucas empresas do mercado, liderados por companhias de grande porte, como, por exemplo, IBM, Google, Apple, Amazon e Microsoft.

Diferente de praticamente todos os outros tipos de soluções que já foram criadas, onde você pode facilmente encontrar uma fagulha de inovação ou uma semente de renovação dentro dos diversos ecossistemas de startups, quando falamos de inteligência artificial ainda estamos nos passos onde tudo o que precisa ser de alguma maneira “conectado” à alguma inteligência artificial já existente, ainda necessite do recurso gerado pelos grandes players do mercado.

Watson (IBM) e Sophia (o robô), ao invés de ganharem irmãos ou novos amigos, estão ganhando filhos. Está aberta a oportunidade para quem quiser fazer diferente.

*Imagem reprodução

Um grande abraço e boas vendas

Caio Camargo
Editor | Falando de Varejo
Linkedin: www.linkedin.com/in/caiocmgo
Instagram: www.instagram.com/caiocmgo

Marabraz apóia fundação Pró-Sangue

Varejista prestigia a participação da entidade em eventos para destacar a importância da doação de sangue

Pela primeira vez a rede de lojas Marabraz marcará presença como apoiadora da Fundação Pró-Sangue. A varejista prestigiará a entidade durante a 25ª edição da Feira Hospitalar, o mais importante evento do setor médico hospitalar das Américas e também na 16ª edição da Feira EBS – Feira da Indústria dos Eventos Corporativos, Incentivos, Congressos, Feiras e treinamentos & Desenvolvimento.


A iniciativa faz parte do planejamento estratégico da empresa em apoiar ações ligadas à comunidade em geral. “Nos sensibilizamos com a causa da doação de sangue”, explica o diretor da empresa, Nasser Fares, que acrescenta: “Ao prestigiarmos a participação Fundação Pro Sangue em eventos de grande visibilidade ajudamos a chamar a atenção para esta nobre causa”.

Tanto na Feira Hospitalar, que acontece de 22 e 25 de maio no Expo Center Norte, em São Paulo, como na Feira EBS – de 06 e 07 de junho no Centro de Convenções Rebouças - ligada ao setor do turismo de eventos corporativos, a Fundação Pro Sangue destacará a importância de apoiar a doação de sangue, além de fornecer informações e esclarecer dúvidas.

Ligada à Secretaria de Estado da Saúde e ao Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo a Fundação Pró-Sangue (FPS) é uma instituição pública responsável pelo abastecimento de sangue de grande parte dos hospitais públicos da grande região de São Paulo.

Cacau Show chega a mil cidades e prevê expansão

No ano em que completa 30 anos, a Cacau Show, maior rede de chocolates finos do mundo, está presente em mil cidades no Brasil. A marca, que faz parte do dia a dia dos brasileiros de todas as regiões, conta com mais de 2 mil lojas espalhadas por todo o território nacional prevê triplicar a abertura de franquias em relação a 2017, de 69 pontos de venda para 250 neste ano.


Élio França e Silva, vice-presidente de Marketing e Vendas da empresa, atribui a expansão contínua à qualidade dos produtos, ao portfólio variado e democrático e à forte presença no segmento de presentes. "Além de opções de chocolates que atendem diversos consumidores no dia a dia, atuamos de forma inovadora no desenvolvimento de produtos e embalagens para compartilhar e presentes que tornam as datas comemorativas ainda mais especiais", afirma Silva.

A marca também aposta em novos modelos de negócios para aumentar a capilaridade em todo país. A Loja Smart, apresentada recentemente, por exemplo, possui investimento otimizado ideal para alcançar cidades menores e oferecer ao público empreendedor a possibilidade de adquirir o próprio negócio. O modelo conta com espaço para café e serviços, oferece linha de sorvetes, tortas e sobremesas, com investimento a partir de R$ 150 mil. A marca conta com seis modelos de negócio: Microfranquia de Distribuição, Microfranquia Gelateria Cacau Show, Microfranquia Chocolateria Cacau Show, Loja Convencional, Quiosque e Loja Smart. São formatos com diferenciais estratégicos, que seguem as tendências do mercado e são elaborados para atender aos diferentes perfis de empreendedor.

Acompanhe a Cacau Show pelo site oficial, www.cacaushow.com.br, ou acesse nossas redes sociais:

Facebook: www.facebook.com/CacauShow
Twitter: www.twitter.com/CacauShow
YouTube: www.youtube.com/CacauShowBR
Instagram: instagram.com/cacaushow

Sobre a Cacau Show

Fundada em 1988, a Cacau Show tornou-se a maior rede de chocolates finos do mundo. Atualmente, conta com mais de 2 mil lojas nos principais shoppings, avenidas e ruas comerciais de todo o Brasil. Especialista em chocolates com diferentes intensidades de sabor, a Cacau Show está em constante inovação e oferece uma variedade de produtos para todos os gostos e momentos.

Decidir é preciso

Acordar de manhã, ir ao banheiro, lavar o rosto e depois tomar o café da manhã. Café com leite ou chá? Torrada com geleia ou manteiga? Uma laranja ou uma mexerica. Sair de casa. Vou de carro ou melhor hoje chamar um Uber? Chegando no escritório. Melhor antes preparar a reunião da tarde ou responder a alguns e-mails? Na hora do almoço. Passo no restaurante vegano ou vou para o quilo.


Ligo para aquele cliente para checar a proposta ou melhor esperar até amanhã? No final de semana vou ao cabeleireiro, mudo a tonalidade do cabelo ou não? Estas perguntas referem-se apenas a temas básicos com os quais lidamos cotidianamente, mas que exigem de nós sempre uma ação: tomar uma decisão. Imagine quando ampliamos isto para temas mais complexos, tais como: aceito ou não o novo emprego? É hora de tentar um filho? Será que este carro chinês vale mesmo a pena? Mudo para Alphaville ou fico em Pinheiros? Caso ou compro uma bicicleta?

Assim como nós, as empresas vivem um dia a dia repleto de tomadas de decisões que vão desde a decisão do preço a ser colocado em uma cotação ou proposta até a construção de uma nova unidade fabril, abertura de filial em outro estado ou mesmo o planejamento de um novo Centro de Distribuição de produtos.

Todas as decisões, pessoais ou empresariais implicam em riscos e em consequências, que vão desde a necessidade de uma casa maior quando se espera por um filho, até o comprometimento financeiro quando se decide por um empréstimo para a renovação da frota da empresa. Como pessoas ou como gestores de empresas, nossa missão fundamental quando confrontados com decisões é mitigar riscos de forma a preservar todos os recursos envolvidos.

No mundo dos negócios a Inteligência de Mercado, com seus métodos e processos aparece como componente fundamental para que os gestores possam tomar decisões com maior segurança e, consequentemente, com menores riscos. A Inteligência de Mercado pode ser definida de diversas maneiras e segundo a visão de inúmeros autores espalhados pelo mundo. A nossa visão do tema nos leva a defini-la como sendo o processo contínuo que se taduz pela coleta, assimilação e a análise de informações do mercado e da concorrência utilizadas para gerar insights e decifrar tendências.
O papel fundamental da Inteligência de Mercado é se alimentar de dados, de inúmeros formatos, coletados em diversas fontes internas e externas ao ambiente corporativo e produzir informação relevante que será então incorporada a este processo citado acima.

Por trás desta coleta e análise de informação existe o caráter de antecipação, razão pela qual o objetivo principal da inteligência é a geração de insights e de tendências, permitindo ao gestor agir mais rapidamente do que sua concorrência e assim buscar os horizontes definidos pela empresa. Se por um lado de nada adianta utilizar informação irrelevante para decidir, por outro, pouca importância tem chegar-se a uma conclusão que o mercado já conhece.

Os melhores gestores, aqueles que se utilizam da Inteligência de Mercado para apoiar suas decisões, sabem também coordenar estes processos de forma a equilibrá-los. Em uma das mãos a produção de informação adequada e que realmente minimiza riscos no processo decisório e na outra os resultados que apontam para elementos desconhecidos e inovadores, sem os quais não será possível construir vantagens competitivas frente à concorrência, gerando aquilo que realmente é importante, ou sejam, resultados positivos na última linha.

Este é um dos motivos que embasam a afirmação de que processos realmente efetivos de inteligência só serão possíveis se contarem com o patrocínio da mais alta cúpula da empresa, seja esta formada nas grandes empresas pelo CEO e sua diretoria, seja formada pelo proprietário de uma empresa de médio ou pequeno porte e que também precisa das mesmas garantias para decidir.

A profusão de informação no ambiente de negócios hoje em dia exige que as decisões sejam embasadas da forma mais consistente o que obriga que, em maior ou menor grau processos de Inteligência de Mercado sejam incorporados ao dia a dia empresarial. Foi-se o tempo em que decidir significava experiência apenas. Hoje ela é fundamental, mas sem informação relevante ela pode se tornar quase inócua. Vale a pena ressaltar que quando se fala em dados e informação não estamos apenas falando dos termos que estão na moda como Big Data e Analytics que, em geral, implicam em investimentos significativos. Falamos principalmente de planilhas, de pesquisas qualitativas de mercado, de dados secundários, de dados censitários, etc. que são muito mais acessíveis e resolvem boa parte dos problemas de quem quer se iniciar no manejo da informação para a tomada de decisão.

Um último ponto a considerar é que implantar o apoio da informação para a tomada de decisão implica em dois fatores: agilidade e mudança de cultura organizacional. Agilidade por que as mudanças no mercado são tão violentamente rápidas que tudo pode alterar-se radicalmente em questão de dias e mudança de cultura organizacional por que sem ela a organização não se livra de comportamentos paradigmáticos, normalmente presentes dentro das empresas.

Se a vida pessoal e empresarial é uma sucessão de decisões e para isto é preciso acumular informação de apoio, mãos à obra. Viabilizar o caminho para isto é fundamental e precisa ser rápido, caso contrário, decidir pra quê?

Luiz Goes é especialista em Inteligência de Mercado e autor do livro Inteligência de Mercado – O Poder da Informação. Editora Letramento.

segunda-feira, 21 de maio de 2018

E-commerces devem apostar na conciliação para controlar fluxo de caixa

Braspag indica quais devem ser os atributos para escolher a solução

Uma das mais importantes ferramentas para a gestão das transações nas lojas online é a Conciliação, que, como o nome sugere, concilia todas as vendas realizadas com diferentes meios de pagamento, qual foi o montante recebido por cada um deles - e, no caso de cartões de crédito, o quanto veio de cada bandeira e as respectivas taxas de operação de cada uma delas – e os valores a receber. "Fazer esse controle manualmente é bastante complexo e pode levar a perdas financeiras, caso possíveis inconsistências não sejam notadas", avalia Rodrigo Pellegrini, consultor de Conciliação Financeira da Braspag, empresa do grupo Cielo e líder em soluções para e-commerce na América Latina.


"O software de conciliação é um comparador de informações financeiras, que integra extratos de processadoras, bancos e arquivos de vendas para confrontar o fluxo de caixa previsto e realizado", explica Pellegrini.

De acordo com a empresa, o lojista deve avaliar se a solução de conciliação oferece os seguintes itens para que o controle do fluxo de caixa seja adequado:

- Importação de dados de diferentes fontes. Avalie se a solução de conciliação permite receber todas as transações de maneira rápida, permitindo, por exemplo, a integração de dados em diversos softwares ERP disponíveis no mercado ou mesmo de planilhas elaboradas em Excel. Com isso, elimina-se a necessidade de grandes interfaces com a área de TI para integrar as transações – o que requer mais tempo, equipe e dinheiro – tornando o processo de gestão de caixa mais ágil e eficaz.

- Emissão de extratos de recebimento. Há soluções no mercado que conciliam o extrato de recebimento das vendas feitas por cada adquirente - empresas que conectam lojistas online e processam as transações financeiras realizadas por meio de cartões de crédito e débito. Desse modo, o lojista pode comparar os valores a receber com o que foi pago e ajustar possíveis inconsistências, a fim de ter maior controle financeiro do seu negócio.

- Disponibilidade de mais informaçoes financeiras. Vale a pena investir em uma solução que possibilite o controle das taxas, receitas de ponto de venda, chargebacks, estornos, enfim, que detalhe todos os pontos da operação. Assim, o lojista poderá gerenciar melhor os seus recebíveis, e adotar decisões mais assertivas para o seu negócio.

"O ideal para o lojista é que os três pilares da gestão de vendas estejam integrados: extrato de venda, relatórios de adquirentes e extrato bancário. A conciliação é fundamental para facilitar processos que até pouco tempo eram bem complexos e poderiam comprometer a movimentação financeira da loja. Escolhendo a solução adequada e o parceiro certo, o lojista pode continuar focado em seu core business", conclui Pellegrini.

Para saber mais sobre conciliação, acesse:
www.youtube.com/watch?v=SGRwVuIRix4&t=49s

Sobre a Braspag

Empresa do grupo Cielo, a Braspag é líder no desenvolvimento de soluções para processamento de pagamentos (gateway de pagamentos), conciliação, antifraude, virtualização e checkout com certificação de segurança PCI DSS 3.2 e ISO 22301 que fortalece a governança corporativa e garante a continuidade dos negócios. Possui presença direta nos principais países da América Latina e conectividade nos Estados Unidos por empresa do mesmo grupo. No Brasil, tem como clientes as principais empresas de comércio eletrônico, oferecendo soluções inovadoras, confiáveis, seguras e com o melhor custo-benefício do mercado. Além disso, a Braspag é a única empresa do setor que está formalmente comprometida com o Pacto Global da ONU, mantendo suas estratégias alinhadas aos princípios relacionados aos Direitos Humanos, Trabalho, Meio Ambiente e Contra a Corrupção.

www.braspag.com.br